Ondine (ator)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Robert Olivo, mais conhecido como Ondine1 (16 de junho de 1937 - 28 de abril de 1989) foi um ator estadounidense. É mais conhecido por aparecer numa série de filmes realizados por Andy Warhol em meados da década de sessenta, que ele alegava ter conhecido em uma orgia2 .

Eu estava em uma orgia, e ele [Warhol] era, ah, essa grande presença no fundo da sala. E essa orgia foi organizada por um amigo meu, e, então, eu disse pra essa pessoa 'Você se importaria de expulsar essa coisa [Warhol] pra fora daqui?'. E aquela coisa foi expulsa, e quando ele voltou para mim na outra vez, ele me disse 'Ninguém nunca me expulsou de uma festa.' Ele disse, 'Você sabe? Você não sabe quem eu sou?' E eu disse 'Bem, eu não estou nem aí para quem você é. Você simplesmente não estava lá. Você não estava envolvido.3 .


Ondine também apareceu em filmes feito por seu amante, Roger Jacoby, Dream Sphinx Opera, L'Amico Fried's Glamorous Friends e Kunst Life4 5 .

Ondine morreu em 1989, com cinquenta e dois anos de idade.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • Batman Dracula (1964)
  • Afternoon (1965)
  • Restaurant (1965)
  • Vinyl (1965)
  • Horse (1965)
  • Chelsea Girls (1966)
  • ****, aka Four Stars (1967)
  • The Loves of Ondine (1967)
  • Dream Sphinx Opera (1972)
  • Sugar Cookies (1973)2
  • Silent Night, Bloody Night (1974)2
  • Kunst Life (1975)
  • L'Amico Fried's Glamorous Friends (1976)

Referências

  1. Nota no site Warholstars
  2. a b c Black, Louis (2003-10-17), "On Ondine on Film: The pope and the artist, the hotel and the factory", Austin Chronicle, visitado em 15/10/2009
  3. "I was at an orgy, and he [Warhol] was, ah, this great presence in the back of the room. And this orgy was run by a friend of mine, and, so, I said to this person, 'Would you please mind throwing that thing [Warhol] out of here?' And that thing was thrown out of there, and when he came up to me the next time, he said to me, 'Nobody has ever thrown me out of a party.' He said, 'You know? Don't you know who I am?' And I said, 'Well, I don't give a good flying fuck who you are. You just weren't there. You weren't involved...'" In Warholstars Chronology.
  4. Halter, Ed (05/04/2005) "Crossroads: Avant-Garde Film in Pittsburgh in the 1970s", Village Voice, visitado em 15/10/2009.
  5. Hubbard, Jim (Outono de 2003), "Introduction: A Short, Personal History of Lesbian and Gay Experimental Cinema", Millennium Film Journal (41).

Ligações externas[editar | editar código-fonte]