Universo DC

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Opal City)
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros, acadêmico)Yahoo!Bing.
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde julho de 2012)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.

O Universo DC é um ambiente fictício aonde ocorrem a maioria das histórias publicadas pela DC Comics. Batman, Lanterna Verde, Super Homem, Flash e Mulher Maravilha são os super-heróis mais conhecidos deste universo.

O conceito de dividir um universo nas histórias em quadrinhos envolve escritores, artistas e editores, que reunidos criam um série de títulos onde os eventos em uma revista terão repercussões em outra e histórias seriadas que mostram os personagens se desenvolvendo e mudando. Os personagens principais aparecem como convidados em outras revistas. A ideia foi desenvolvida principalmente pela Marvel Comics no começo dos anos 1960, mas foi iniciada pela DC Comics.

Os principais heróis do Universo DC surgiram nos anos 1940. A maioria das histórias situadas neste ambiente têm lugar em cidades fictícias, como Gotham City e Metrópolis, a primeira incorporando os aspectos negativos da vida em uma cidade grande e a segunda refletindo os aspectos positivos. A presença dos super-heróis afetou as cidades, mas suas histórias fictícias em geral são similares à história dos Estados Unidos.

História do universo DC[editar | editar código-fonte]

Esta é a linha de tempo de acordo com a cronologia da DC após Crise Infinita. Como um universo fictício, sujeito a retcons, podem haver alterações drásticas em breve.

Antes do Big Bang[editar | editar código-fonte]

Nova Gênese[editar | editar código-fonte]

Planeta fictício[1] onde vivem parte dos personagens do Quarto Mundo de Jack Kirby

A capital do planeta é uma cidade flutuante e reluzente, conhecida como Supercidade. Uma espécie de utopia nas nuvens onde vivem a parte boa dos imortais conhecidos como Novos Deuses[1] que são guiados e lideradas pelo Pai Celestial, o único deles com o poder e sabedoria necessários para se comunicar diretamente com a poderosa consciência mística conhecida como A Fonte.

Big Bang[editar | editar código-fonte]

Bilhões de anos atrás[editar | editar código-fonte]

  • Krona, um Maltusiano, queria descobrir os segredos da própria criação do Universo. Construindo uma máquina para isso, ele observou por seu portal uma palma gigantesca com um caldo de estrelas na mão, quando a máquina explodiu. Esta tolice custou caro a toda a existência. Devido a esse ato, fora criado o Universo de Antimatéria. A mera existência disso liberou uma onda de mal que corrompeu milhares de mundos. Sentindo-se culpados pela catástrofe, os Maltusianos procuraram meios de acabar com este mal. Uma parte dos Maltusianos afirmava que o mal devia ser destruído, e se retiraram para outra dimensão, e tornaram-se os Controladores. A parte restante dos Maltusianos foram os Guardiões do Universo, que migraram então para o planeta Oa. A princípio, para ajudar a proteger o universo, eles engendraram uma raça chamada Psíons. Estes se rebelaram. A seguir, os Guardiões criaram os andróides Caçadores Cósmicos, que tiveram um destino parecido. Para impedir que a ordem se perdesse e que o universo entrasse em puro caos, os Guardiões do Universo dividiram todo o universo em 3600 setores, e para cada um deles, foi criado um anel que permitia fazer praticamente qualquer coisa que o usuário desejasse. Cada anel seria entregue aos seres mais honestos, mais destemidos e de maior força de vontade (a qual ativava os poderes do anel). Esses seres passaram a ser conhecidos como a Tropa dos Lanternas Verdes.
  • O Mundo dos deuses é destruído em uma guerra pela maior arma viva dos deuses antigos, Mageddon. Os deuses são mortos, e uma "Godwave" desencadeia-se no universo. Isto cria forças no universo (tal como a força da velocidade e o Metagene) que permitirá que determinados superpoderes surjam. Permite também o nascimento aos deuses novos. Mageddon é aprisionado em um dissipador da gravidade na curva exterior do espaço-tempo. O restantes dos antigos deuses fundam os planetas de Apokolips e Nova Genesis. Quando ocorreu a destruição do planeta que existia e deu origem a Apokolips e Nova Genese, o poder dos habitantes desse planeta se espalhou pelo universo. Os habitantes desse planeta eram deuses, por isso que os habitantes de Nova Gênese e Apokolips, planetas gerados a partir dos destroços do antigo, são chamados de novos deuses.[1]

Quando esse poder se espalhou pelo universo, ele foi cair em determinados locais de certos mundos. Na Terra, pessoas banhadas com esse poder viraram os titãs mitológicos e mais tarde a sua prole foram os deuses gregos. Também caíram parcelas do poder gerando os deuses nórdicos, os que deram poder a Capitão Marvel, os deuses romanos e outros panteões. Em vários planetas ocorreram surgimentos de deuses por conta desse poder.

100 milhoes de anos atrás[editar | editar código-fonte]

  • Começa a vida em Krypton
  • Capitão Átomo viaja pelo tempo na perseguição de Monarca. Encontra também Chronos.

250000 anos atrás[editar | editar código-fonte]

  • Um cientista chamado Bertron cria a criatura Apocalipse num planeta-colônia chamado Krypton, por meio de clonagem evolutiva.

Pré-história[editar | editar código-fonte]

50.000 A.C

  • Ao combater Nebula Man no fim dos anos 1940, Sideral fica preso nesta era.
  • um homem da caverna do tipo Cro-Magnon chamado Vandar Adg, líder da Tribo do Sangue, foi banhado na radiação de um meteorito misterioso, que lhe deu um intelecto e imortalidade inacreditáveis, sendo conhecido nos dias de hoje como Vandal Savage. Um observador da Tribo do Urso mais tarde se aproxima do mesmo meteorito e obtém imortalidade, Homem Ressureição, ganhando a habilidade de ressuscitar com novos poderes cada vez que é morto.

40 mil AC

  • Surge na Terra uma grande civilização, rica na magia e na tecnologia, que leva a formação de Atlantis. Os primeiros homo magi eram os atlantes pré diluvio, e o maior entre eles era Arion o feiticeiro supremo de Atlantida, aquele que fez o máximo possível para evitar que a ilha continente afundasse. Muitos anos após sua formação, Atlantis afunda. Algumas cidades sobrevivem debaixo d'água graças a suas abóbadas protetoras. A magia e a tecnologia fazem os atlantes continuarem vivendo debaixo d'água desconhecidos do resto da humanidade.

30 Mil AC

  • Anthro, um homem primitivo, transformar-se num líder entre seres humanos evoluídos.
  • Os Guardiões do Universo realizam alterações genéticas na espécie marciana, dando lhe uma fraqueza do fogo. Uma nave espacial cai na Terra, contendo um guardião do universo e um marciano. O Marciano mata uma tribo de Cro-Magnons e é morto mais tarde por Vandal Savage.
  • Um praga destrói a maioria da raça marciana.

5000 AC Surge o Doutor Névoa, dos Guardiões Globais.

Idade Antiga[editar | editar código-fonte]

  • 2.600 AC: no antigo Egito, Thet-Adam tornou-se o Poderoso Adam, o primeiro campeão do Mago SHAZAM, que serviu ao príncipe Quéops (Quéops sendo a encarnação original do Gavião Negro). Depois, Thet-Adam enlouqueceu e queria abusar de seu poder. Como punição o mago Shazam pôs sua essencia de poder num escaravelho feito de jóias. Isto fez com que Adam retomasse sua idade real de centenas de anos, o que o matou instantaneamente. No tempo presente, reencarnou como Theo Adam, o Adão Negro.
  • 2 Thanagarianos caem no planeta. Depois de suas mortes a cultura e a tecnologia são escondidas e sua civilização desaparece. O príncipe Quéops no antigo Egito e sua esposa Shayera usam a tecnologia para criar um equipamento de voo, mas são mortos por Hath-Seth, seu sacerdote.
  • Ainda no antigo Egito, o faraó Kha-ef-ra usando magia e tecnologia cria um escaravelho com poderes; Este escaravelho será descoberto na era atual por Dan Garret, o Besouro Azul original.
  • Se diversas lendas antigas forem reais, heróis mitológicos de diferentes civilizações, como o grego Hércules por exemplo, poderiam ter sido os primeiros super seres a terem surgido no planeta Terra e atuado como herois milenios antes do surgimento dos herois modernos.
  • Para proteger as amazonas da perseguição, os deuses gregos transportam-nas a Ilha de Themyscira, onde não envelhecem.

Império Romano[editar | editar código-fonte]

Centurião Alfa aceita ser levado por aliens e passa séculos entre eles. Júlio César era na verdade Vandal Savage.

Idade Média[editar | editar código-fonte]

Século VI

968 Príncipe Viking desbrava os mares.

Século XV

  • Um homem que viria a ser conhecido como Ra's al Ghul nasce em uma tribo de nômades em um lugar deserto na Arábia, perto de uma cidade cujos antepassados ​​dos habitantes viajaram para a Península Arábica vindos da China. Ra's se interessava em ciência desde cedo. Incapaz de aprender qualquer ciência viva como um nômade, ele abandona sua tribo para viver na cidade, onde se pode realizar a sua investigação científica. Ele se torna um médico e se casa com uma mulher chamada Sora, o amor de sua vida. Ele finalmente descobre uma solução que ocorre naturalmente conhecido como Poço de Lázaro, que ele usa para curar um príncipe moribundo. No entanto, o príncipe é levado à loucura e mata Sora, enquanto o rei culpa Ra's pelo o assassinato e enterra-o vivo. Libertado pelo filho de um ex-paciente, Ra's e sua tribo se reúnem e massacram a cidade, matando o rei e seu filho. Ra's então muda o seu nome e forma a organização conhecida como a Liga das Sombras, com a intenção de manter o equilíbrio entre o homem e a natureza.

Idade Moderna[editar | editar código-fonte]

Século XVI

Para combater a perseguição aos judeus no Gueto de Praga, o Rabi Loew cria o Golem a partir do barro, para que este seja um defensor do povo judeu. Mais tarde um conselho de rabis estipula que um agente humano servirá melhor, e fabricam o uniforme vivo do Ragman.

400 anos atrás

Nasce Lobo no planeta Czarnia.

Século XVII

Darkseid encontra-se com os marcianos verdes e aprende de sua crença de que a vontade é uma "equação de vida". Darkseid teoriza que uma Equação Anti-Vida deve existir como bem e faz esforços para encontra-la. Em um esforço para ganhar tempo, ele negocia com Pai Celestial Izaya para acabar com a guerra entre Apokolips e Nova Gênese. Para selar o acordo, os governantes dos dois mundos trocam seus filhos: Izaya dá seu filho para Darkseid, enquanto Darkseid dá seu filho Orion para Izaya. O filho de Izaya, chamado Scott Livre, rejeita os ensinamentos de Darkseid e Vovó Bondade, enquanto Orion leva os ensinamentos de Nova Gênese e se torna para sempre oposto a seu pai.

Século XIX

Primeira guerra[editar | editar código-fonte]

Ás Inimigo.

1916 Sandman (Morfeus) aprisionado.

1935[editar | editar código-fonte]

  • Dr. Oculto começa sua carreira como detetive sobrenatural.

Era de Ouro[editar | editar código-fonte]

Surgem os primeiros super-heróis

1940:

1945 Dr. Oculto sacrifica sua alma para deter a entidade Stalker. Para poupar a vida de Oculto, Rose Psychic, sua irmã, funde-se sua alma com ele.

1948 Sete Soldados da Vitória originais dispersos através do tempo e espaço ao combater Nebula Man.

1951

  • Devido a pressões do governo para expor suas identidades publicamente, acaba a Sociedade de Justiça.

1953 Capitão Cometa

Era de Prata[editar | editar código-fonte]

56 anos atrás

1968 Nathaniel Adam adentra o campo quântico quando submetido a um teste nuclear. Ele emergirá no presente como o Capitão Átomo.

36 anos atrás

  • Um cientista, Dr. Saul Erdel, teleporta acidentalmente J'onn J'onzz, o último marciano vivo, à terra. Ele age secretamente por anos através de identidades falsas, protegendo a humanidade.
  • A nave espacial de Kal-El a Terra em Smallville. Jonathan e Martha Kent encontram-o. Adotam-no e nomeiam-no Clark Kent.
  • Nasce Bruce Wayne para Thomas Wayne e Martha Wayne.
  • Um faroleiro americano acha o príncipe exilado de Atlantis na praia (Arthur Curry)

30 anos atrás

  • Um assassino (Joe Chill) mata Thomas Wayne e Martha Wayne. Bruce jura lutar contra o crime.

29 anos atrás

  • Nasce Diana, filha da Rainha Hipólita das Amazonas e o deus da guerra Ares.

24 anos atrás Oliver Queen sofre um naufrágio e sobrevive numa ilha por aprender a usar arco e flecha. Ele se torna o Arqueiro Verde.

20 anos atrás

  • Bruce Wayne começa seu treinamento pelo mundo.
  • Diana é a única criança em Themyscira. Surge Donna Troy que é morta e renasce entre os homens.

Era moderna dos heróis[editar | editar código-fonte]

Começou com o surgimento de Superman.

14 anos atrás

  • Clark Kent emerge como o Superman. Logo ele atrai a inimizade do bandido de colarinho branco Lex Luthor.
  • Bruce Wayne começa sua carreira como o Batman na cidade de Gotham. Selina Kyle inspirada pelo Batman transformar-se na Mulher Gato. Primeiros registros de um criminoso que se auto-intitula Coringa.
  • Diana, princesa das Amazonas, chega na América, onde adota a identidade trajada de Mulher Maravilha.
  • O cientista Barry Allen da polícia da cidade de Central City é abatido pelo relâmpago (realmente, uma manifestação da speed force ou " força de velocidade") e pelos produtos químicos, transformando-se no segundo The Flash.
  • Um membro moribundo da Tropa dos Lanternas Verdes, Abin Sur de Ungara, escolhe o piloto Hal Jordan para sucedê-lo.
  • O marciano J'onn J'onzz revela sua existência ao público e torna-se conhecido como o Caçador de Marte (Ajax)
  • Surge canário Negro II.
  • Canário negro, o Flash, Lanterna Verde, Ajax, Aquaman, Mulher Maravilha, Superman e Batman se unem e formam a Liga da Justiça.

12 anos atrás

11 anos atrás

10 anos atrás

8 anos atrás

7 Anos atrás

5 anos atrás

4 anos atrás

  • Tim Drake, 13 anos se torna o 3° Robin
  • Lex Luthor faz um clone de si mesmo e retorna como seu filho.

3 anos atrás

2 anos atrás

  • Arqueiro Verde é morto e Connor Hawke, seu filho, recebe o manto.
  • A nova LJA e SJA são formadas.
  • Superboy, Robin, e Impulso formam a Justiça Jovem.
  • The Titans reformados.
  • Oliver Queen é ressuscitado e retorna a ser o Arqueiro Verde.
  • Bruce Wayne retorna a ação e Jean Paul Valley se torna Azrael. Um terremoto atinge Gotham e se torna terra de ninguém.
  • Lex Luthor é eleito Presidente dos EUA e ajuda a reconstruir Gotham.
  • Os planetas Almerac e Warworld são destruídos. Imperiex tenta aniquilar o Universo.

1 ano atrás

OBS: Desde 3 anos atrás quando Coast City foi destruída e 1 milhão de pessoas morreram o Universo DC vive uma Crise sem precedentes. Muitos heróis morreram, alguns tomaram atitudes drásticas (Mulher Maravilha matou Maxwell Lord, Mary Marvel foi seduzida pelo lado negro) e Superman se viu impotente em várias situações. Nos últimos meses estourou a Terceira Guerra Mundial.... e as revelações de que existem Terras paralelas complicaram tudo....

Agora[editar | editar código-fonte]

(Atualizações conforme a cronologia da Panini Brasil)

Futuro[editar | editar código-fonte]

futuro próximo

  • Tim Hunter se tornará o mais poderoso mago do Universo DC.
  • Terry McGinnis assume o manto de Batman, enquanto Bruce Wayne, já idoso, instrui Mcginnis por um comunicador na batcaverna, pois possui experiência em campo

Séc. XXV Gladiador Dourado, Professor Zoom

Séc. XXX Legião dos Super-Heróis

Fim dos Tempos[editar | editar código-fonte]

  • Destino fecha seu livro e morre. Tim Hunter e Mister E encontram Morte, que fecha o universo depois de envia-los de volta a seu tempo.
  • Superman e Tempus deixam Doomsday (Apocalipse) no fim dos tempos, onde a entropia o desintegra. Porém, Brainiac viaja para o fim dos tempos também e resgata Apocalipse, transferindo sua consciência para seu corpo.

Raças do Universo DC[editar | editar código-fonte]

Aliens[editar | editar código-fonte]

O universo DC é permeado das mais diversas raças extraterrestres, sendo o próprio Superman, o ícone da DC, um alien. Para conhecer os planetas da DC e suas raças, veja as entradas para cada planeta no subtópico Planetas.

Seres sobrenaturais[editar | editar código-fonte]

  • Homo Magi: Existiam um grupo de pessoas indiretamente vinculadas as forças superiores chamadas homo magi, elas tinham um vinculo direto com as forças ou da ordem (a família Zatara) ou com o Caos (a família Fausto). Eles tinham acesso a estas forças e por isso que a magia fluia de maneira mais direta e poderosa. Já os outros feiticeiros tinham que usar de intermediarios como por exemplo os deuses que deram poder a Shazam e depois as famílias Marvel, o intermédio e encantos que nada mais seriam pedidos a alguma força superior ou inferior e por aí vai.

No caso do Mestre dos Oceanos, ele tinha um artefato místico (um intemediário) que fora forjado para apenas uma função (energia primordial da fonte refinada para um propósito e presa através de magia).

Lembre-se A Fonte é a origem de todas as energias mágicas, cabe a muralha dos deuses ditar as regras que ela age. Agora que a configuração da muralha deve ter sido alterada com a explosão e reconstrução da rocha da eternidade a regra dos homo magi (boa parte assassinados pelo espectro) deve ter sido alterada ou até mesmo extinta. Os Homo sapiens não podem realizar magia, eles realizam rituais que lhes dá o poder para fazer magia por um período de tempo, por exemplo: Mestre dos Oceanos, ele é um híbrido de humano e atlante, mas não tem os poderes aquáticos do Aquaman, ele faz rituais para poder usar esses poderes por meio de magia por um tempo. Ou então eles tem um objeto mágico que confere poder a eles, o Sargon tem o rubi da vida. Outros exemplos: John Constantine, Jason Blood (ele, não o Etrigan), Íbis, o invencível

Os magis podem fazer magia sem ser necessário fazer um ritual. Exemplos: Zatara e Zatanna.

Existem humanos que foram encantados e possuem habilidades mágicas, exemplos: Shazam, ele recebeu seus poderes de deuses que ele venerava, e por sua vez concedeu poderes a Família Marvel.

Geografia do Universo DC[editar | editar código-fonte]

Organizações[editar | editar código-fonte]

Cidades[editar | editar código-fonte]

O universo DC tem uma vasta quantidade de cidades fictícias. Aqui está uma lista atualizada; todas as cidades são dos Estados Unidos, exceto quando indicado.

Países[editar | editar código-fonte]

Assim como cidades fictícias, também há países fictícios.

Planetas[editar | editar código-fonte]

No Universo DC há vários planetas habitados.

Sistema Rao[editar | editar código-fonte]

É um conjunto de cinco planetas localizado há 50 anos-luz da Terra, em volta do grande sol vermelho que é sete vezes maior que o sol da Terra. Em dois planetas do sistema Rao havia vida, era Krypton e Thalon, ambos destruídos.

  • Rao - O grande planeta de fogo avermelhado uma estrela gigante da sétima grandeza que abrigava cinco planeta, atualmente se tornou uma estrela sombria em meios de destroços dos planetas do sistema, próximo a uma enorme poeira radioativa esverdeada da kryptonita.
  • Rao I (Boron) - planeta de fogo, onde sua temperatura extremamente alta eleva mais de 80 graus.
  • Rao II (Phalon) - Planeta sem vida, onde existia uma vasta area deserta, a temperatura alta era de 50 graus, havia também tempestades climáticas de um enorme deserto com rajadas de tempestades magnéticas em torno do planeta, era chamado pelos kryptonianos de planeta Fúria.
  • Rao III (Thalon) - Um planeta Azul, que era todo coberto por águas de um imenso oceano. apresentava um clima bastante tropical, onde havia várias formas de vidas neles situadas no fundo do oceano de Thalon, os Thalonianos como era chamados, era um povo alienígena eremita, destacados até dos seus próprios vizinhos kryptonianos. Quando o planeta foi atingido pela onda de choque que destruiu todo o sistema, Thalon se reduziu num planetoide sem vida, com apenas pequenos blocos de gelo salgado que continuava girando em torno do sol Rao.
  • Krypton
  • Rao V (Haron)

Dimensões[editar | editar código-fonte]

Viajar de um universo para o outro é algo extremamente difícil. The Flash consegue passar de uma dimensão para o outra e transportar outros. Algumas dimensões são perigosas ao mero contato: O universo de Qward, é de antimatéria, e quando antimatéria entra em contato com matéria resulta numa explosão.

  • O Além: é o domínio de seres como o Espectro e o Vingador Fantasma. Também é considerado Além o lado de lá da Grande Muralha, que constantemente tenta ser transposto por deuses e semideuses. Deuses são divindades supostamente devotadas em algum momento por alguma civilização dos 3600 setores espaciais. Há, no entanto, Novos Deuses, nascidos há priscas eras para que sua essência não fosse maculada pelas trevas de Apokolips.

O Além, seja ele o céu ou o Inferno, é unificado. Sendo que apesar da existência de diversos deuses, sejam eles novos ou velhos, o Universo metafisicamente foi criado por apenas uma entidade que esteve presente no início de tudo antes da explosão primordial que criou o multiverso.

Nos primeiros estágios da criação a entidade superior (termo que será usado para evitar embates teológicos) criou a Fonte, local que provém toda a energia primordial, a Ordem e o Caos (apesar de muitos acreditarem que ambas as forças não foram criadas como um ato, mas sim uma medida autônoma do próprio multiverso), o céu, o inferno (dividido em 9 partes mais tarde) e a estrutura do multiverso.

  • Céu: Também conhecido como paraíso, campos elíseos dentre outros os nomes. Morada das almas ditosas e lar dos anjos. Sabe-se pouco deste local, apenas temos conhecimento a partir de depoimentos dados por aqueles que foram para lá e retornaram. Os seres provenientes deste plano mais conhecidos são Zauriel e o Espírito da Vingança, o anjo vingador que requer um guia que tem uma alma mortal chamado Espectro. Atualmente foi relatado que algo está intervindo na estrutura do céu permitindo diversas almas retornar a terra dos vivos sem ser por vontade divina ou pelo ciclo de reincarnação.
  • Inferno: No início era um local unificado, porém devido a natureza conflituosa do plano foi dividido em 9 partes, sendo que cada uma delas tem um regente soberano. Há rumores que o demônio chamado Neron unificou os infernos, porém sabe-se que isto não é verdade já que o nem o demônio Etrigan ou mesmo diversos seres ligados as hostes infernais o reconhecem como líder.
  • A Fonte: Local criado no limiar do universo além da barreira divina. Fonte de toda a energia primordial que permitiu a existência de diversos deuses, sejam eles o demônios Tanagarianos, os Deuses do Olimpo, os Titãs Mitológicos e até mesmo os novos deuses.
  • O Verde- Supra plano que conecta todos os planos de existência que tenha vida vegetal ou derivada dela. Mais um plano de existência misterioso e talvez o único deles que consegue transpassar os limites espaço-físico-dimensional-temporal. Não há uma regência ou comando claro neste plano, mas há rumores da existência de um conselho que rege tudo. Os seres relacionados ao Verde em sua maioria são vegetais sentientes, porém há exceções como a consciência maligna dos pântanos próximos a Gotham city auto intitulada Solomon Grundy. Os seres mais famosos relacionados a este plano são o Monstro do Pântano, Orquídea Negra, Tefé Holland e Solomon Grundy.
  • Planos do Caos: Esqueça, nada se sabe sobre eles, e quanto mais se sabe, menos se tem certeza do que é sabido. A única coisa que se sabe que os planos do Caos e os infernos não são a mesma coisa, já que os infernos apesar da constante mudança existe uma lógica por de trás, nos planos do Caos, tudo muda constantemente a tal ponto que um dos poucos seres que temos certeza que veio de lá, Klarion o Menino Bruxo, ter mudado de maneira surpreendente de um espírito malévolo e com poderes capazes de reverter a idade dos heróis para um ser um pouco mais responsável e preso a uma magia formulaica.
  • Planos relacionados a magia: O multiverso tinha regras muito claras sobre magia, porém com a destruição da Rocha da Eternidade todas elas mudaram, isto inclui os planos ligados a ela. Não sabemos se ainda existe o mundo das gemas de onde diversos magos da ordem tinham magias relacionadas.
  • Nova Gênese
  • Apokolips
  • Universo de Antimatéria de Qward -Nele se localiza o planeta Qward[19] [20] , mencionado pela primeira vez em Green Lantern (vol. 2) # 2 (janeiro de 1961).
  • Zrfff (Quinta Dimensão)
  • Gemworld
  • Skartaris uma dimensão de Espada e Feitiçaria[21]
  • Domínio dos Lordes da Ordem
  • Zona Fantasma
  • Dimensão do Sonhar
  • Meta-Zona
  • BGTZL

Dimensões alternativas[editar | editar código-fonte]

Terra 1[editar | editar código-fonte]

Trata-se da principal das Terras Paralelas que existia antes de Crise nas Infinitas Terras, lar da Liga da Justiça e todos os heróis modernos, e que por convenção referíamos como a "nossa" dimensão (convenção um tanto estranha uma vez que a Terra Prime já correspondia ao mundo real, mas sem super-heróis). More Fun Comics #101 (1945) marcou a estreia de Superboy (originalmente, Superman quando menino); apesar de ser publicada numa época em que a vasta maioria dos personagens da DC eram da Terra 2, esta foi considerada anos depois (no ponto de vista teórico) a primeira aparição da Terra 1. O Superman dos anos 40 havia começado sua carreira adulto, e nunca foi Superboy; Superboy demorou cerca de 10 anos para ser encarado como material "oficial" dentro das histórias da DC Comics. Superboy teria se tornado o principal Superman visto desde meados dos anos 50 até Crise nas Infinitas Terras, embora que todos os Supermen se chamassem Clark Kent e tivessem sua origem de algum modo similar. O primeiro encontro entre o Superman da Terra 2 e o da Terra 1 foi em Justice League of America (versão 1) #73 (anos 60).

Terra 2[editar | editar código-fonte]

Trata-se do planeta Terra inserido em uma outra dimensão onde a maior parte dos seus Super-Heróis iniciaram suas carreiras entre os anos 1930 e 1940, a chamada Era de Ouro dos Quadrinhos nos Estados Unidos (o Super-Homem, por exemplo, originalmente começou sua carreira em 1938 - revista Action Comics #01). Como consequência, muitos de seus personagens (heróis e vilões) já estavam com a idade avançada. Seus principais heróis eram a Sociedade da Justiça, o Super-Homem da Terra 2, o Batman da Terra 2, a Poderosa, o All-Star Squadron, a Corporação Infinito, entre outros.

Durante os anos 1950, quando a National Periodicals passou a se chamar DC Comics, ocorreu de escritores lançarem novas versões dos heróis mais populares da Era de Ouro, que nos anos 1950 estavam na obscuridade. Deste movimento, o Átomo não era mais Al Pratt, mas Ray Palmer, o Lanterna Verde não era mais Alan Scott, mas Hal Jordan, o Gavião Negro não era mais Carter Hall, mas Katar Hol, e o Flash não era mais Jay Garrick, mas Barry Allen. Assim foi também com outros heróis, exceto com os principais: Super-Homem, Aquaman, Batman, Mulher Maravilha e Arqueiro Verde. Então, um belo dia, o escritor Gardner Fox apresentou a história Flash of Two Worlds em que o Flash Barry Allen encontrava o Flash Jay Garrick, mas este morava em outra dimensão. Vibrando a supervelocidade, Allen conseguiu passar da Terra 1 para a Terra 2, e lá achou Garrick, que no Brasil recebeu a alcunha de Joel Ciclone. Então notoriamente, também outros heróis antigos, como o Átomo original e o Lanterna Verde Alan Scott habitavam esta outra dimensão, que foi batizada de Terra 2. Nossa própria Terra foi chamada de Terra 1, onde habitam a Liga da Justiça. Contudo, uma vez que o Super-Homem, o Batman, a Mulher Maravilha e o Arqueiro Verde haviam tido muitas histórias nos anos 1940, se resolveu admitir que haviam duplicatas deles na Terra 2, pois nada nas histórias da Era de Ouro implicavam que eles haviam viajado da Terra 1 para a Terra 2 a fim de ter tido tais aventuras. Imediatamente, todos aqueles heróis antigos dos anos 1940 puderam recomeçar suas aventuras, agindo em sua própria dimensão. Anualmente, havia um encontro com os heróis da Terra 1 e da Terra 2.

Com a Crise nas Infinitas Terras, a Terra 2, assim como o resto das Terras Paralelas, também chamado de Multiverso, deixou de existir, tal qual o seu passado. Todos os seus heróis tiveram suas histórias ajustadas a nossa Terra, com exceção dos sósias do Super-Homem, Aquaman, Batman, Robin, Mulher-Maravilha e Arqueiro Verde, que teoricamente deixaram de existir.

Aquaman, que foi criado em 1941, não teve um correspondente admitido na Terra 2 até All-Star Squadron #60 (1986).

Terra 3[editar | editar código-fonte]

Pertencia a continuidade Pré-Crise; Tratava-se de uma outra dimensão cujo planeta Terra era assolado pelo Sindicato do Crime da Amérika, uma versão maligna da Liga da Justiça. O único herói era o cientista Alexander Luthor, que era casado com Lois Lane daquela dimensão.

A primeira vez que foi mencionada, foi pelos Campeões do Crime em Justice League of America #22 (anos 60). Quando debatendo como iriam fugir da Sociedade da Justiça e Liga da Justiça, os vilões tiveram a ideia: Se existia uma Terra 1 e uma Terra 2, com certeza deveria haver uma Terra 3! A seguir cada um deles tentou atingir a dita dimensão da Terra 3, mas os heróis chegaram antes e os prenderam.

Mas a Terra 3 só foi mostrada propriamente dita em Justice League of America #29, onde houve a primeira aparição do Sindicato do Crime da Amérika.

Alguma propriedade especial na dimensão da Terra 3 afetava a probabilidade duma luta entre o Sindicato do Crime e a Liga da Justiça, fazendo com que os membros do Sindicato sempre vencessem quando nessa dimensão. Se eles fossem para a Terra 1, o inverso acontecia, e a Liga ficava com a vantagem. Um terreno "neutro" para esta disputa era então a Terra 2, lar da Sociedade da Justiça no Pré-Crise.

Diversos eventos na Terra 3 ocorreram de modo contrário ao nosso: Por exemplo, neste mundo, a Europa foi descoberta por Cristóvão Colombo; A Inglaterra é que ganhou independência dos Estados Unidos; O presidente John Wilkes Booth foi assassinado pelo ator Abraham Lincoln; A bandeira dos Estados Unidos tem o quadrado vermelho, com listras pretas e azuis alternadas.

A Terra 3 pereceu vítima da onda de antimatéria liberada por Anti-monitor, durante a Crise nas Infinitas Terras. Atualmente, com suas origens reescritas, o Sindicato do Crime da Amérika veio atualmente duma duplicata da Terra contida no Universo de Antimatéria. A dimensão da Terra 3, bem como o resto das Terras Paralelas, deixou de existir com Crise nas Infinitas Terras, bem como quaisquer memórias a respeito. A única Terra do Universo positivo combina elementos da Terra 1, Terra 2, Terra S, Terra 4 e Terra X.[22]

Terra Prime[editar | editar código-fonte]

Trata-se de uma dimensão que era estatizada como o mundo real, onde os heróis da DC são simplesmente personagens fictícios de quadrinhos. A Terra Prime foi introduzida em The Flash 179, quando Barry Allen encontrou seu criador, Julius Schwartz. Este conceito foi derrubado uma série de vezes, a começar pelo surgimento de um herói chamado Ultraa, um alien que havia sido criado por aborígenes australianos. Também, o escritor Cary Battes, que escrevia a revista da Liga da Justiça neste tempo, conseguiu chegar a dimensão da Terra 2, onde tornou-se temporariamente líder da Sociedade da Injustiça.

Na Crise nas Infinitas Terras, foi descoberto que lá havia um Superboy também, o Superboy da Terra Prime[23] . Ele é o filho adotivo de Jerry e Naomi Kent, que o encontraram e o batizaram de “Clark,” após ler sobre Superman, um personagem de quadrinhos na Terra-Primordial. O que os Kents não sabiam era que o bebê, encontrado abandonado em uma floresta, era na verdade Kal-EL, que foi teleportado para à terra momentos antes que o planeta Krypton daquela dimensão fosse destruído pelo seu sol que estava para se tornar uma supernova. A vida do jovem Clark foi de um menino normal como qualquer de sua idade. Uma noite no meio de sua adolescência, quando ele foi a uma festa vestido de Superboy, seus poderes de Kryptoniano começaram de repente a manifestar-se (com a passagem do Cometa Halley e os efeitos do começo da Crise nas Infinitas Terras). Aproximadamente no mesmo tempo, Superman da Terra 1 encontra um caminho para Terra-Prime, e então as duas versões de Kal-El se conhecem.

A dimensão da Terra Prime deixou de existir com Crise nas Infinitas Terras, bem como quaisquer memórias a respeito. Entretanto, devido a presença de Superboy da Terra Prime na Aurora do Tempo, ele continuou a existir. Ultraa ganhou uma nova origem, que o fez surgir de nossa própria dimensão. Os envolvimentos de Cary Battes com personagens da DC não existem na nova cronologia.

Terra S[editar | editar código-fonte]

Tratava-se de uma dimensão cujo planeta Terra era habitado pelos personagens da Fawcett Comics. O mais famoso herói desta dimensão era o Capitão Marvel. Entre os outros personagens da Fawcett citam-se:Íbis, o invencível, Bulletman and Bulletgirl, Spy Smasher, Captain Midnight, Phantom Eagle, Mister Scarlet and Pinky, Minute-Man, Commando Yank e Golden Arrow. Nota: Embora não fosse um personagem da Fawcett, mas da Quality Comics, o Kid Eternidade foi descrito como habitando a Terra S antes de Crise.

Suspendium[editar | editar código-fonte]

Em 1953, Doutor Sivana propôs o esquema mais brilhante dele contudo. Ele tinha inventado um novo elemento chamado Suspendium que poderia pôr qualquer um até mesmo a poderosa Família Marvel, em animação suspensa. E assim um dia, Sivana apanhou a Família Marvel, Magnificus, Beautia, e a bem dizer todo o elenco da revista em um globo gigantesco de Suspendium. Durante a celebração, porém, Sivana Junior deu um tapa nas costas de Dr. Sivana (Aí, velhão! Conseguiu!).

O tapinha enviou o gênio maligno de peso leve nos controles do globo, e logo os Sivanas foram apanhados também. Eles ficaram como estavam durante 20 anos até o globo finalmente derreter, em 1973 (ano em que Capitão Marvel começou a ser publicado pela Dc Comics). Dentro de literalmente minutos, Dr. Sivana estava de volta em forma, enquanto já tentando reconquistar o mundo novo que ele e os outros se achavam. Nota: O Suspendium foi a explicação que a Dc Comics encontrou para explicar porque o elenco de Capitão Marvel não havia envelhecido desde que parou de ser publicado pela Fawcett Comics (1953).

Envolvimentos com outras dimensões[editar | editar código-fonte]

  • All-New Collectors' Edition #C-58 Superman vs. Shazam(1979), é a primeira batalha entre Superman e Captain Marvel na DC Comics. Publicada no Brasil sob o título Superman versus Shazam, pela editora Ebal. Lá ficou explícito que Capitão vivia em outra dimensão.
  • All-Star Squadron #37 (1984), representa a primeira batalha entre Superman da Terra 2 e Capitão Marvel. Como a luta se passa nos anos 1940, (e a Terra S ainda não havia sido posta em animação suspensa por Dr. Silvana), este era, dentro da cronologia das revistas, o primeiro combate entre o Super e o Capitão, antes de seu combate com o Superman da Terra 1 [All-New Collectors' Edition #C-58 Superman vs. Shazam(1979)]. Na história, um cientista nazista na dimensão da Terra 2 evocava a Família Marvel da Terra S.Como a Alemanha e resto da Europa estavam sob a esfera de influencia da Lança do destino (veja Combatentes da Liberdade para mais informações), isto provocou um efeito colateral nos membros da Família Marvel, sendo separados de seus alter-egos. Enquanto Freddy Freeman, Billy e Mary Batson permaneciam na Alemanha como prisioneiros sem poderes, suas contrapartes heroicas coexistiam e estavam sob controle mental dos nazistas, indo a Inglaterra e Estados Unidos para causar destruição. Superman (da Terra 2) e outros heróis se reúnem a fim de deter esta ameaça. Entretanto, isto faz parte da cronologia Pré-Crise; seu contexto não é mais válido.
  • Em DC Comics Presents 34, Rei Kull (DC Comics) trabalhou junto com Sr. Cérebro e Mr. Mxyzptlk, onde Mxyzptlk usou magia para aumentar a força e resistência de Kull a nível capaz de sobrepujar ambos Capitão Marvel e Superman.
  • JUSTICE LEAGUE OF AMERICA #135-137 (Crisis in Eternity!). Rei Kull (DC Comics) atingiu a Pedra da Eternidade e usou um dispositivo para paralisar o Mago Shazam e todos os deuses do panteão de Shazam, com exceção de Mercúrio, que fugiu. Ademais, Kull convenceu diversos vilões, das dimensões da Terra 1, da Terra 2 e da Terra S (onde Kull residia) a dominar tais planos de existência para ele. Membros da Liga da Justiça e Sociedade da Justiça, bem como heróis da Fawcett Comics (Íbis, o invencível, Bulletman e Bulletgirl, Spy Smasher, Mister Scarlet and Pinky)intervieram contra o plano de Kull. Foi a primeira vez que uma história envolvendo 3 Terras Paralelas se deu, se você desconsiderar o encontro da Liga da Justiça e Sociedade da Justiça com o Sindicato do Crime. No clímax da história, Kull usa kryptonita vermelha para tornar Superman num super-assassino. Capitão Marvel consegue vencê-lo usando o raio mágico (primeira vez que Marvel usou o raio contra Superman, muitos anos antes de Reino do Amanhã).

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Banda desenhada da DC Comics é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.