Ordem de Francisco José I da Áustria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ordem Imperial de Francisco José I da Áustria

A Ordem Imperial de Francisco José I da Áustria foi criada pelo rei Francisco José I em 2 de Dezembro de 1849, no primeiro aniversário da sua coroação. Inicialmente, a Ordem era composta por três classes:

A Estrela de Comendador, adicionada em 1869, situava-se logo abaixo da Grã-Cruz; a Cruz de Oficial, entre o grau de Comendador e o de Cavaleiro, foi criada a 1 de Fevereiro de 1901. A Grã-Cruz, a Estrela de Comendador e a Cruz de Oficial eram condecorações de peito, ao passo que a Cruz de Comendador era para ser usada ao pescoço. Os Cavaleiros usavam a sua condecoração suspensa de uma fita triangular no lado esquerdo do peito. Tanto a Cruz de Comendador, como a de Cavaleiro, eram, na sua origem, suspensas de uma fita vermelha. Em comum com as outras condecorações do Império Império Austro-Húngaro, a Ordem de Francisco José I acabou por ter as condecorações de Guerra e Espadas. No entanto, o título actual era, habitualmente, entregue para recompensar serviços distintos, ao invés de bravura perante o inimigo.

Alguns exemplos de homenageados são Anton Bruckner[1] e Émile Baudot.[2]

Referências

  1. Watson, Derek Bruckner. New York: Schuster & Macmillan (1997): 39
  2. p. 33, Butrica (1991) Andrew J. Boca Raton, Florida "Baudot, Jean Maurice Emile" Froehlich, Kent (editors) Fritz E., Allen The Froehlich/Kent Encyclopedia of Telecommunications Vol. 2 CRC Press
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Ordem de Francisco José I da Áustria