Orson Scott Card

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta biografia de uma pessoa viva não cita as suas fontes ou referências, o que compromete sua credibilidade. (desde janeiro de 2014)
Ajude a melhorar este artigo providenciando fontes confiáveis e independentes. Material controverso sobre pessoas vivas sem apoio de fontes confiáveis e verificáveis deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Orson Scott Card at BYU Symposium 20080216 closeup.jpg

Orson Scott Card (24 de agosto de 1951, Richland, Washington), é um escritor de ficção científica e fantasia norte-americano.

Foi o primeiro escritor a receber o prêmio Hugo e Nebula por dois anos consecutivos, graças aos seus romances da série Ender, O Jogo do Exterminador e Orador dos Mortos.

Card é também conhecido pela novelização do filme "O Segredo do Abismo", de James Cameron.

Orson morou no Brasil por dois anos quando era missionário voluntário da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias.

Bibliografia (incompleta)[editar | editar código-fonte]

Série Worthing[editar | editar código-fonte]

Saga de Ender (ou Enderverso)[editar | editar código-fonte]

  • O Jogo do Exterminador (Ender's Game) (1985)
  • Orador dos Mortos (Speaker for the Dead) (1986)
  • Xenocídio (Xenocide) (1991)
  • Os Filhos da Mente (Children of the Mind) (1996)
  • A War of Gifts: An Ender Story (2007)
  • Ender in Exile (2008)

Série "Shadow"[editar | editar código-fonte]

  • Ender's Shadow (1999) - romance paralelo a Ender´s Game
  • Shadow of the Hegemon (2001)
  • Shadow Puppets (2002)
  • Shadow of the Giant (2005)
  • Shadows in Flight (inédito)

Outros[editar | editar código-fonte]

  • Um Planeta Chamado Traição (A Planet named Treason) (1978)
  • O Segredo do Abismo (The Abyss)

Principais prêmios[editar | editar código-fonte]

Hugo em 1986 e 1987 por "O Jogo do Exterminador" e "Orador dos Mortos" e Nebula em 1985 e 1986 pelas mesmas obras.