Os Flintstones em Viva Rock Vegas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Os Flintstones em Viva Rock Vegas
The Flintstones in Viva Rock Vegas
Cartaz do lançamento norte-americano de Os Flintstones em Viva Rock Vegas, desenhado por BLT Communications e ilustrados por Drew Struzan
 Estados Unidos
2000 • cor • 90 min 
Direção Brian Levant
Produção Bruce Cohen
Roteiro Deborah Kaplan
Harry Elfont
Jim Cash
Jack Epps Jr.
Baseado em The Flintstones de Hanna-Barbera Productions
Elenco Mark Addy
Stephen Baldwin
Kristen Johnston
Jane Krakowski
Joan Collins
Thomas Gibson
Alan Cumming
Gênero Comédia romântica
Idioma Inglês
Música David Newman
Cinematografia Jamie Anderson
Edição Kent Beyda
Estúdio Amblin Entertainment
Hanna-Barbera Productions
Distribuição Universal Pictures
Lançamento Estados Unidos 28 de abril de 2000
Brasil 7 de julho de 2000
Portugal 4 de agosto de 2000
Orçamento US$83 milhões
Receita US$59,468,275
Cronologia
Último
Último
The Flintstones (filme)
Próximo
Próximo
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Os Flintstones em Viva Rock Vegas (The Flintstones in Viva Rock Vegas, no original) é um filme de comédia romântica familiar estadunidense de 2000 e prequela do filme Os Flintstones de 1994 com base na série de desenhos animados dos anos 1960 com o mesmo nome, produzido pela Amblin Entertainment e Hanna-Barbera e distribuído pela Universal Pictures. Ambientado antes dos Flintstones e Rubbles serem casados ​​e terem filhos e os eventos do primeiro filme, que contou com muito pouco do elenco original. Apesar das críticas um pouco mais positivas do que o primeiro filme, Viva Rock Vegas foi uma bomba de bilheteria.

Ann-Margret, que apareceu como "Ann-Margrock" na série de televisão original, canta a música tema, que é uma versão ligeiramente reescrita da música tema do filme Viva Las Vegas.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Em Bedrock, os amigos Fred e Barney acabaram de se formar na Faculdade de Bedrock, e logo se empregam na Pedreira Pedregulho. Enquanto isto, a bela Wilma Slaghoople vive entediada, na Mansão Slaghoople, pois sua mãe, Pearl quer que, ela se case com um cara chamado Chip Rockefeller, dono de um cassino, e que precisa da fortuna da família da Wilma, para finalizar uma dívida. Após fugir de casa, Wilma acidentalmente conhece Betty O'Shale (ou Betty Jean McBricker, no desenho), que é garçonete de uma lanchonete em Bedrock, onde Fred e Barney costumam frequentar. Após um encontro desastroso, Fred se apaixona por Betty, e Barney se encanta por Wilma, mas no parque de diversões (onde surge o dinossauro Dino), Fred e Barney trocam de garotas. Após criarem uma confusão na mansão da família de Wilma, durante um jantar, Fred e Dino são expulsos de lá, pela mãe de Wilma, e Barney, Betty e a própria Wilma vão com ele. Chip então propõe aos dois casais que visitem seu cassino, mas tudo não passa de uma jogada barata, para tirar Fred de Wilma. No cassino, Betty se encanta pelo cantor Mick Jagged, ao mesmo tempo em que, Wilma começa a se encantar de vez por Chip. Agora, Fred e Barney terão de reconquistar o coração de suas garotas preferidas, mesmo que, para isto, precisem contar com a ajuda de um atrapalhado ET verde futurista, o Gazoo. Neste filme, o pai de Wilma faz sua primeira aparição, no universo oficial de Bedrock.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Aparições especiais[editar | editar código-fonte]

  • Ann-Margret, creditada como "Ann-Margrock" é um dos momentos mais lembrado com carinho na série de televisão original, canta a música tema, que é uma versão ligeiramente reescrita a música-tema de Viva Las Vegas, filme em que Ann-Margret co-estrelou com Elvis Presley.
  • Harvey Korman, que foi a voz original do Grande Gazoo na série de televisão, interpreta o coronel Slaghoople neste filme, enquanto Gazoo agora é interpretado por Alan Cumming (Korman também foi a voz do Dictabird no primeiro filme). Esta foi também a última aparição de filme de Korman.
  • John Stephenson, que interpreta o ministro que casa Fred e Wilma, dublava o senhor Pedregulho na série animada Flintstones e mais tarde a voz do Conde Rockula no especial de Halloween The Flintstones Meet Rockula and Frankenstone. Stephenson também expressou a voz de Dread Baron no Laff-A-Lympics, onde Fred e Barney estrelam.
  • Rosie O'Donnell, que interpretou Betty no primeiro filme, faz a voz do Polvo que faz massagens em Wilma e Betty. Krakowski tinha sido relutante em interpretar Betty, sentindo que ela estaria ofuscando O'Donnell, até que ela foi parabenizada por Rosie para conseguir o papel com flores e um cartão que dizia: "De Betty # 1 para Betty # 2, agora Yabba Dabba fazê-lo!"
  • Kristen Stewart, mais tarde seria a estrela da série de filmes Twilight, tem um pequeno papel como uma menina que arremessa anéis na cena do carnival. No entanto, ela só pode ser vista a partir da parte traseira
  • John Cho, que mais tarde iria aparecer nas franquias American Pie e Harold & Kumar Go to White Castle, bem como nos filmes do reboot de Star Trek, aparece na Mansão Slaghoople como manobrista.
  • William Hanna e Joseph Barbera, os criadores da série de desenhos animados, estão em uma cena de multidão durante o casamento de Fred e Wilma cantando um versão para a música-tema

Recepção[editar | editar código-fonte]

Os Flintstones em Viva Rock Vegas recebeu críticas negativas na maior parte dos críticos em uma média de 25% no Rotten Tomatoes e foi indicado para quatro prêmios na 21ª Framboesa de Ouro, para Pior Filme, Pior Ator Coadjuvante (Stephen Baldwin), Pior Atriz Coadjuvante (Joan Collins) e Pior Remake ou Sequência, e "perdeu" em todas as quatro categorias. Ele também foi um fracasso de bilheteria, já que arrecadou $59,468,275 dólares em todo o mundo em um orçamento de $83 milhões. Esta foi uma profunda desilusão em relação ao primeiro filme que arrecadou um bruto de $358,5 milhões internacionalmente.[1]

Referências

  1. "'U-571' Runs Noisy, Runs Strong", The Los Angeles Times, 2000-05-02. Página visitada em 2010-11-10.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]