Pérdicas I da Macedónia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo. Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.

Pérdicas I é um rei Macedónia, reinou por volta de 700 a.C. até 678 a.C..[1]

Ele era descendente de Temeno (um heráclida, conquistador de Argos), e fugiu com seus irmãos Gauanes e Aeropus para a Macedónia.[2]

Na época clássica, os macedónios reivindicaram serem tratados como helenos, e utilizaram estas genealogias para justificar

Outras tradições indicam Caranus como sendo o descendente de Temeno que fundou o reino da Macedónia; os analistas tentam conciliar estes dados supondo:

  • que Pérdicas era o sucessor de Caranus (Juniano Justino, citado por Newton[3] )
  • que Caranus era o sucessor de Pérdicas (Caio Júlio Solino, citado por Newton[3] )
  • que Pérdicas e Caranus eram contemporâneos e fundaram pequenos principados; depois da morte de Caranus, o reino foi unificado sob Pérdicas (Newton[3] )

Pelos cálculos de Newton, Pérdicas reinou por volta da 46a ou 47a Olimpíada.[4]

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Rosen, K. Die Gründug der makedonischen Herrschaft, Chiron 8 (1978), p. 1 e seg.