Paca

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Trechos sem fontes poderão ser removidos.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing.
Como ler uma caixa taxonómicaPaca
Cuniculus paca.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 NT pt.svg
Quase ameaçada (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Rodentia
Família: Cuniculidae
Género: Cuniculus
Espécie: C. paca
Nome binomial
Cuniculus paca
(Linnaeus, 1766)

A paca (Cuniculus paca) é uma espécie de roedor da família Cuniculidae. Anteriormente era denominada Agouti paca.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O termo "paca" se origina do nome tupi para o animal, paka, que também significa "vigilante, desperto, sempre atento"[1] [2] .

Características[editar | editar código-fonte]

É um animal de hábitos noturnos, de pelame duro e eriçado, apresentando variações de coloração. Suas cores variam do vermelho ao cinza-escuro, sempre com manchas brancas na lateral do corpo. Possui quatro dedos nas patas dianteiras e cinco nas traseiras,com unhas afiadas, o que deixa uma característica pegada em solos umidecidos e em beiras de rios e lagos. Sua cauda é minúscula. Possui grandes dentes incisivos, que nunca param de crescer, o que faz com que ela os desgaste mordendo troncos de goiabeira e/ou eucalipto. Atinge uma grande velocidade quando corre por possuir muita força nas pernas, muita agilidade e muito fôlego. Seu peso varia de 6 à 12kg, tendo exemplares machos chegando a 15kg. Possui faro, audição e visão aguçados, o que permite que caminhem com facilidade a noite.

A paca é encontrada na América do Sul, desde a Bacia do Rio Orinoco até o Paraguai, habitando matas tropicais, preferencialmente perto de lagos, rios ou riachos. Mora em buracos no chão ou em buracos naturais em locais com pedra, sempre com várias saídas de emergência, que são usadas como rota de fuga em casos de perigo.

Alimentação[editar | editar código-fonte]

A paca é um animal notívago. Sua dieta é a base de frutas, folhas, sementes e raízes. Destas, foi observado sua preferência em cativeiro e na natureza.

Alimentação na natureza: Na natureza, a paca se alimenta de frutas da estação como Banana, Goiaba, Manga, Coco-babão, Mandioca, Abacate, entre outros. Costumeiramente ela visita "fruteiras" e plantações de milho de sítio e fazendas para se alimentar.

Alimentação em cativeiro: Em cativeiro, a dieta da paca é mais rica e variada. Engloba a maioria das frutas e legumes, hortaliças, tubérculos e cereais. Após experimentos, viu-se também sua adaptação com ração de eqüinos.

LISTA DE SUAS PREFERÊNCIAS:

- Abacate

- Manga

- Goiaba

- Maça

- Banana

- Milho em palha

- Mandioca

- Batata-doce

- Mamão


Nota: Preferência levantada após observação em cativeiro por mais de 2 anos.

Nota2: Uma curiosidade é a paca não ingerir nunca a batata tradicional, conhecida também como batata inglesa.

Criação[editar | editar código-fonte]

Há espalhados no Brasil vários criatórios de paca, sendo uns somente da espécie e outros mistos com espécies nativas, como Cateto, Capivara, Ema e Cotia.

Para começar a criação é preciso definir o propósito, podendo ser para comercialização do animal vivo, comercialização da carne, para soltura de animais na natureza ou todos estes juntos. Para cada finalidade, existe uma taxa a ser paga ao IBAMA.

Para isso o órgão envia fiscais e engenheiros ambientais para verificar se a estrutura para criação é adequada e apta para receber os animais. Se começa a criação com a compra de exemplares em outros criatórios e em alguns casos pode-se fazer a captura do animal no meio ambiente.

É exigido que cada animal tenho um chip de identificação, que contenha um número de registro, sexo e data de nascimento. O criatório necessita de um médico veterinário para acompanhar a saúde do animal e vermifugá-los periodicamente.

Comportamento[editar | editar código-fonte]

A paca é um animal que está sempre em alerta. Nas matas se locomovem apenas através de caminhos que elas mesmo fazem. São rotas já conhecidas, chamado também de "carreiro", que as levam em pontos de alimentação. São também rotas de fuga para sua toca, esconderijos, lagos e rios. Elas chegam a trilhar 14km por noite atrás de alimento. Uma curiosidade é sua pontualidade quando encontra uma fonte de alimento. Ela irá se alimentar neste locar no mesmo horário todos os dias, e uma vez que ela vai embora, só retornará no dia seguinte.

São excelentes nadadoras, com um fôlego surpreendente. Quando se sentem ameaçadas mergulham para fugir de predadores, e em casos extremos utilizam "sulapas" (bolsões de ar dentro da terra, com acesso somente por dentro d'água) para se proteger.

Sai para se alimentar somente quando a noite está bem escura, ou seja, nas noites em que a Lua não está muito clara, por motivos de segurança. Nas fases de Lua nova ou crescente, a paca espera a Lua se pôr para sair da toca; nas fases de Lua cheia e minguante, sai da toca e volta antes de a Lua nascer.


Na culinária[editar | editar código-fonte]

Sua carne é, provavelmente, a melhor dentre os animais silvestres. Apesar do seu parentesco com a capivara, sua carne não possui toda gordura e óleo de sua parente. É uma carne rosada com diversas maneiras de preparo, podendo ser refogada, assada, ao forno...

É bem incomum encontrar restaurantes que sirvam pratos com carne de paca, mas há criatórios legalizados pelo IBAMA que distribuem a carne em açougues específicos de carnes exóticas.

Caça[editar | editar código-fonte]

Apesar da caça da paca ou de qualquer animal silvestre ser crime e proibido em todo o território nacional, ainda há uma grande quantidade de caçadores espalhados por todo o país.

A caça da paca é feita com "cevas" (acostuma-se o animal em um só ponto utilizando alimento para atraí-lo) ou com cachorros.

Graças as caçadas desenfreadas, a população da espécie está reduzindo drasticamente. Há locais onde não se encontra mais a espécie. Ela está em estado de alerta na lista de espécies em risco de extinção. A prática ilegal é feita sem regras, não respeitando idade do animal, sexo e período de reprodução, o que agrava a situção da espécie.

Qualquer suspeita de atividade de caça deve-se acionar as autoridades locais ou ligar para a Linha Verde do IBAMA

Reprodução[editar | editar código-fonte]

Reprodução na natureza: Na natureza a paca tem somente uma gestação por ano, podendo em casos raros, nascer gêmeos. Essa única gestação ocorre por dois fatores identificados. O primeiro é um "espinho" peniano que o macho possui, o que faz com que a fêmea não tenha interesse em cruzar, por machuca-la. O segundo fator é que o cio da paca ocorre 5 dias após o nascimento do filhote, sendo assim, a paca fêmea por estar amamentando, não deixa que o macho se aproxime.

Reprodução em cativeiro: Em cativeiro pode-se forçar uma segunda gestação da paca. Retira-se o filhote de sua mãe no 5º dia após o nascimento, coloca-se o macho junta da fêmea em um ambiente de espaço limitado para a realização do cruzamento e retorna-se com o filhote após o procedimento para que a mãe continue a tratar normalmente. Assim consegue-se obter mais de uma cria por ano.

Nota: A gestação da paca dura entre 114 e 119 dias, aproximadamente 4 meses.

Nota2: Identifica-se o cio da paca pelo sangue aparente em sua vulva.



Referências

  1. http://www.fflch.usp.br/dlcv/tupi/vocabulario.htm
  2. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p. 1 243

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • WOODS, C. A.; KILPATRICK, C. W. Infraorder Hystricognathi. In: WILSON, D. E.; REEDER, D. M. (Eds.). Mammal Species of the World: A Taxonomic and Geographic Reference. 3. ed. Baltimore: Johns Hopkins University Press, 2005. v. 2, p. 1538-1600.
  • QUEIROLO, D.; VIEIRA, E.; EMMONS, L.; SAMUDIO, R. 2008. Cuniculus paca. In: IUCN 2008. 2008 IUCN Red List of Threatened Species. <www.iucnredlist.org>. Acessado em 14 de novembro de 2008.
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Paca
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Paca
Ícone de esboço Este artigo sobre sobre roedores, integrado ao WikiProjeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.