Paio de Córdova

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Paio
Nascimento ~912 em Crecente
Morte 926 em Córdova
Veneração por Igreja Católica
Festa litúrgica 26 de Junho
Gloriole.svg Portal dos Santos

Paio de Córdova, conhecido como São Paio,[1] Sampaio ou São Pelágio, nascido no início do século X na Galiza, é um santo cristão, venerado no dia 26 de Junho pela Igreja Católica especialmente em Espanha e Portugal.

Era sobrinho de Hermígio, bispo de Tui.

Tendo participado, como pajem, na dura batalha que opôs Ordonho II de Leão a Abderramão III, emir de Córdova, foi feito prisioneiro e levado para esta cidade. As negociações entre as partes permitiram a libertação do tio bispo, mas Paio teve de ficar como refém, apesar de ter apenas 13 anos de idade. A sua formosura encantou tanto o rei como um dos seus filhos, que tudo fizeram para o seduzir. A todos resistiu o jovem, o que exacerbou a ira do rei que o mandou torturar até que lhe cedesse. No entanto, a fortaleza de ânimo de Paio foi superior à violência da tortura e acabaram por lançá-lo ao rio Guadalquivir[2] .

Referências

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Paio de Córdova