Palácio Sa'dābād

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Palácio Sa'dābād: fachada do Palácio Branco com o Monte Tohchal ao fundo.

O Palácio Sa'dābād (em persa: کاخ سعدآباد) é um complexo palaciano do Irão, construído pela Dinastia Pahlavi no Bairro de Shemiran, em Teerão.

História[editar | editar código-fonte]

Vista lateral do Palácio Verde.

O complexo foi habitado inicialmente, durante o século XIX, pelos monarcas da Dinastia Qājār e respectiva família real.

Após uma expansão dos pavilhões, Reza Pahlavi viveu ali durante a década de 1920 e o seu filho mudou-se para o complexo na década de 1970, tendo ambos vivido durante algum tempo no Palácio Verde.

Depois da Revolução Iraniana, os diferentes pavilhões que compõem o palácio foram transformados em museus. No entanto, o actual palácio presidencial do Irão fica adjacente ao Palácio Sa'dābād.

Actualmente, os museus instalados nos pavilhões do Palácio Sa'dābād possibilitam ao visitante circular pelos diversos espaços e observar a rica história do Irão. Algumas partes do complexo são usadas pela Organização do Património Cultural do Irão, a qual é responsável pela maior parte dos artefactos, locais e aspectos culturais do país.

O pavilhão chamado "Kakhe malakeye madar" pertence, actualmente, à organização presidencial e acolhe os hóspedes estrangeiros do presidente.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O complexo do Palácio Sa'dābād possui oito portões e dezoito pavilhões, usados por diferentes membros da família real da Pérsia.

Portões[editar | editar código-fonte]

Vista de Teerão a partir do complexo.
1. Portão Nezamieh, pelo qual Reza Pahlavi entrava no complexo.
2. Portão Za'feranieh
3. Portão da Rua Darband, pelo qual Mohammed Reza Pahlavi entrava no complexo.
4. Potão da Praça Darband
5. Portão Ja'far Abad (1º)
6. Portão Ja'far Abad (2º)
7. Portão do Rio
8. Portão do Palácio Branco

Pavilhões[editar | editar código-fonte]

Detalhe do interior do Palácio Branco, representando a mitologia persa popular.
1. Castelo de Ahmad Shah Qajar (actualmente usado pelas mulheres Basij - força paramilitar)
2. Castelo Shahvand (actualmente, o Museu Verde)
3. Palácio Branco ou Casa Branca (actualmente, o Museu Nacional)
4. Castelo Especial (Museu de História Natural no passado, actualmente utilizado como local de recepção oficial pelo Presidente Mahmoud Ahmadinejad.)
5. Castelo Negro (كاخ اسود) (actualmente, o Museu das Artes Comtemporâneas)
6. Castelo Shams (irmã do Xá, actualmente, o Museu de Etnologia)
7. Castelo de Ashraf (nomeado em homenagem à irmã gémea de Mohammad Reza Pahlavi, actualmente, o Museu dos Pratos Históricos)
8. Castelo de Gholam Reza (irmão do Xá)
9. Castelo da Rainha-mãe (actualmente, o edifício da república)
10. Castelo de Ahmad Reza (irmão do Xá)
11. Castelo de Abdol Reza (Centro de Controlo de Sa'dābād)
12. Castelo de Bahman Pahlavi (nomeado em homenagem ao filho de Gholam Reza, actualmente, o Centro de Formação)
13. Castelo de Shahram (nomeado em homenagem ao filho de Ashraf Pahlavi, actualmente, o Museu Militar)
14. Farideh Diba
15. Castelo de Valiahd Reza (1º castelo, actualmente, o Museu de Behzad)
16. Castelo de Valiahd Reza (1º castelo, actualmente, o Museu de Dafineh)
17. Castelo de Farahnaz e Ali Reza (filhos de Reza Pahlavi, actualmente, o Museu de Caligrafia e do Livro de Mir Emad)
18. Castelo de Leila

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Palácio Sa'dābād