Palácio da Ponta Vermelha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Palácio da Ponta Vermelha é a residência oficial do Presidente de Moçambique em Maputo.[1] O nome também é utilizado metonimicamente, referindo-se à presidência moçambicana.

Ponta Vermelha designa a zona de Maputo onde o palácio está localizado, perto da extremidade de um promontório de cor avermelhada, no ponto em que o estuário comum aos rios Matola, Umbelúzi e Tembe desagua na Baía de Maputo.

O palácio teve um começo humilde, como armazém e residência do pessoal envolvido na construção da ferrovia entre a então Lourenço Marques e o Transvaal; após extensa obra, tornou-se a residência oficial do governador português e, com a independência (em 1975), do Presidente da República.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Moçambique é um esboço relacionado ao Projeto África. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.