Paraipaba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Paraipaba
"A Terra do Coco"
Igreja Matriz

Igreja Matriz
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Fundação 5 de fevereiro de 1985 (29 anos)
Gentílico paraipabense
Prefeito(a) Carlos Henrique de Azevedo (PSB
(2013–2016)
Localização
Localização de Paraipaba
Localização de Paraipaba no Ceará
Paraipaba está localizado em: Brasil
Paraipaba
Localização de Paraipaba no Brasil
03° 26' 20" S 39° 08' 52" O03° 26' 20" S 39° 08' 52" O
Unidade federativa  Ceará
Mesorregião Norte Cearense IBGE/2008 [1]
Microrregião Baixo Curu IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Norte - Trairi e Oceano Atlântico; Leste - Paracuru; Sul - São Gonçalo do Amarante; Leste - Trairi.
Distância até a capital 93 km
Características geográficas
Área 301,123 km² [2]
População 30 041 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 99,76 hab./km²
Clima Tropical altlântico As
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,666 médio PNUD/2000 [4]
PIB R$ 126 921,795 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 4 302,00 IBGE/2008[5]
Página oficial

Paraipaba é um município brasileiro do estado do Ceará Sua população estimada em 2013 era de 31.413 habitantes.

Às margens do rio Curu, Paraipaba tem um dos maiores projetos irrigados do mundo, onde são encontrados diversas variedades de frutas, e entre estas, o cultivo do coco é a principal atividade agropecuária da região.

Paraipaba possui uma exuberância de aproximadamente 14 km de praia que se estendem a partir da foz do Rio Curu até a barra, formada pelas tranquilas águas da lagoa das Almécegas com a beleza sem igual das praias, dunas e lagoas existentes ao longo de toda costa.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Como Padroeira da cidade temos a invocação de Santa Rita de Cássia (Festa acontece todo ano de 22 de outubro a 1° de Novembro), com seu primeiro templo construído entre 1965 e 1969. Inaugurado em 13 de maio de 1979.

Situando-se próximo a margem esquerda do Rio Curu, e assim sujeito a várias inundações o templo foi mudado para um local mais alto, que é o que se encontra agora,com 3 km de distância do anterior.

Paraipaba em fase de desenvolvimento turístico (graças as suas belezas naturais), sendo favorecido pelo seu turismo cultural - presente no diversificado artesanato, na gastronomia local, crenças, lendas e costumes do seu povo; Turismo de Lazer - encontrado por seu belo litoral: envolvendo barracas de praia, jangadas, pousadas, cavalos e outras opções de lazer. Turismo Rural -   O perímetro irrigado apresenta solo podzólico, latossolos e areias quartzosas Oportuniza colher os produtos da região: cana-de-açúcar, coco, feijão, milho, acerola, mamão, jerimum, graviola, entre vários outros.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Lagoinha, Cambôas, Boa Vista, Setor B, Setor C-1, Setor C-2, Setor E, Setor D-1, Setor D-2, Setor G/H e Centro Gerêncial do DNOCS. Além disso é uma cidade culturalmente muito rica com eventos que marcam a história do povo.

Clima[editar | editar código-fonte]

Segundo Koopen, o clima é do tipo AW’ : quente e úmido, com chuvas no período de janeiro a julho, com valores máximos nos meses de março e abril. O período seco se prolonga de julho a dezembro, ocorrendo a menor precipitação nos meses de outubro e novembro. A região apresenta uma pluviosidade média anual de 1002 mm.  A temperatura média anual é de 26,3o C, com máxima de 35o C, em fevereiro, e mínima de 18o C, em julho.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Paraipaba possui uma área aproximada de 301,123 km², com uma demografia aproximada de 104,31 habitantes por km².

Relevo[editar | editar código-fonte]

A área da cidade está localizada em um platô, entre as cotas +30 e +90. O relevo é suavemente ondulado, com declividade mais íngreme no sentido dos “talwegs” principais da área. O fato da área estar encravada em uma unidade geomorfológica denominada tabuleiro e superfícies similares, representa uma característica de regiões próximas ao litoral e classificadas como sendo do grupo barreirais, com solos situados nas classes 2 e 3 para irrigação. 

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

Além de ser banhado pelo Rio Curu,a cidade tem várias lagoas, córregos e riachos ao longo de seu território, que se destacam a Lagoa das Almécegas, a Lagoa da Canabrava, a Lagoa do Retiro, o riacho Penha, a Lagoa do C-2 , etc.

Praia de Lagoinha[editar | editar código-fonte]

Vista da praia da lagoinha

À 11 km do município localiza-se a praia da Lagoinha, que é bastante conhecida por suas dunas e coqueirais. Paraipaba é a terra de gente bonita e hospitaleira, quem bebe de sua água jamais esquece.

Localizada a aproximadamente 120 km da capital do Estado, a comunidade de Lagoinha tornou-se mundialmente conhecida e bastante visitada pela beleza de suas praias, dunas e falésias. Paisagem de rara beleza, conservando o primitivismo que a destacou como uma das mais belas do Brasil. Tem o formato de meia-lua, uma enseada de ondas fracas, cercada por dunas amarelas, arrecifes e coqueirais com bicas de água doce ao lado do Morro do Cascudo onde está o porto das jangadas.

A praia de Lagoinha se destaca no turismo mundial como uma das mais belas do Brasil, sendo o maior atrativo turístico, com paisagem de rara beleza, formato de meia-lua, uma enseada de ondas fracas, cercada por dunas amarelas, arrecifes e coqueirais com bicas de água doce. Formada por um penhasco de cerca de 50 metros de altura, Lagoinha conserva ainda uma paisagem natural primitiva composta por dunas douradas e um vasto e verdejante coqueiral que vão ao encontro de um mar de águas calmas e de um verde deslumbrante. Encontrando-se a uma distância 120 km de Fortaleza e 92 km de Itapipoca,é assistida por um transporte de qualidade pelas cooperativas licitadas pelo governo do estado.A Coottrece(Fortaleza)e a Cooperita(Itapipoca)perfazem o trajeto em aproximadamente 2 horas.Na praia da Lagoinha, não faltam opções para se divertir e se apaixonar. vale a pena conhecer a vegetação de mangue, os coqueiros, as formações rochosas, bem como contemplar os recifes que surgem quando a maré está baixa, os quais formam piscinas de água salgada próximas à praia

Para melhor aproveitar a viagem à Lagoinha, a indicação é fazer um delicioso e aventureiro passeio em um veículo conhecido como pau-de-arara. Logo fazer a travessia da lagoa em uma jangada e andar de buggy pela praia, tornam mais emocionante ainda a estadia numa das mais belas praias do país.

A belíssima praia da Lagoinha é uma área de proteção ambiental, com isso, objetiva-se a preservação do lugar e toda a sua natureza.

Um dos passeios mais procurados é para a Lagoa das Almécegas, também conhecida como Lagoa da Barra, que conta com barcos que cruzam suas águas límpidas e claras. A parada final é diante das muitas barracas localizadas tanto na lagoa quanto na praia, que oferecem um bom serviço, com destaque para o famoso peixe frito e frutos do mar, além de uma deliciosa água de coco bem gelada.

O povoado fica no alto do morro e tem um mirante que permite uma vista panorâmica e magnífica da praia.

Com uma população, composta em sua maioria por pequenos grupos de pescadores artesanais, ainda guarda a tranquilidade e a paz estampadas nas folhas verdes de seus coqueirais embalados pela brisa do mar, que à tardinha acalenta todos que a visitam. As dunas de Lagoinha são áreas de Proteção Ambiental com 523 ha. de pura beleza.

Lagoa das Almécegas[editar | editar código-fonte]

Seguindo tranquilamente pela praia ou através de um passeio divertido no tradicional “pau-de-arara”, encontramos, a poucos quilômetros de Lagoinha, um novo atrativo natural.Na segunda maior lagoa do estado, encontram-se águas escuras, belas dunas, morros e uma barragem que oferece um refrescante banho com direito a passeio de barco, caracterizam Lagoa da Almécegas.

Praia de Capim Açu ou Barra do Curu[editar | editar código-fonte]

Uma nova estrada indica o caminho certo para chegar à praia do Capim Açu, local que oferece uma visão exuberante da natureza. As lagoas, os manguezais, as dunas e o coqueiral formam os caminhos que aguçam a nossa imaginação, retratando o próprio paraíso. O descanso relaxante em suas agitadas águas faz o visitante esquecer o tempo e apenas despertar com o magnífico pôr-do-sol. Deserta, com larga faixa de formato declinoso de areia fofa e jangadas, próximo à Ponta Aguda, rochas extensas são a atração.

Praia de Camboas[editar | editar código-fonte]

A 12 km da sede, praia situada na margem esquerda do Rio Curu, conjunto físico variado composto de dunas, coqueiros, águas, mangues e enseadas.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado do Ceará é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.