Paranatinga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Paranatinga
Paranatinga.png

Bandeira de Paranatinga
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 29 de junho
Fundação 17 de dezembro de 1964
Gentílico paranatinguense
Prefeito(a) Vilson Pires (PRP)
(2013–2016)
Localização
Localização de Paranatinga
Localização de Paranatinga no Mato Grosso
Paranatinga está localizado em: Brasil
Paranatinga
Localização de Paranatinga no Brasil
14° 25' 55" S 54° 03' 03" O14° 25' 55" S 54° 03' 03" O
Unidade federativa  Mato Grosso
Mesorregião Norte Mato-grossense IBGE/2008[1]
Microrregião Paranatinga IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Campinápolis, Primavera do Leste, Planalto da serra, Rosário Oeste, Nova Ubiratã, Feliz Natal, Sorriso, Gaúcha do Norte, Santo Antônio do Leste, Querência.
Distância até a capital 368 80 km km
Características geográficas
Área 24 177,568 km² [2]
População 20,383 hab. Estimativa IBGE/2013[3]
Densidade 0 hab./km²
Altitude 460 m
Clima Equatorial
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,667 médio PNUD/2010[4]
PIB R$ 313,661 mil IBGE/2010[5]
PIB per capita R$ 16,268 73 IBGE/2010[5]
Página oficial
Prefeitura www.paranatinga.mt.gov.br

Paranatinga é um município brasileiro do estado de Mato Grosso. Localiza-se a uma latitude 14º25'54" sul e a uma longitude 54º03'04" oeste, estando a uma altitude de 460 metros. Sua população estimada em 2013 era de aproximadamente 20.383 Habitantes.

Possui uma área de 24267,9 km².

História[editar | editar código-fonte]

O município de Paranatinga tem suas origens na abertura de fazendas isoladas do século XIX. A formação do município se acelerou com a descoberta de diamante pelo fazendeiro Abraão Bezerra.

Em 1963. Veio a corrida pelo diamante. Não demorou e foi criado o distrito de Simões Lopes, a noroeste dos garimpos do Rio Paranatinga. Formaram-se duas corrutelas garimpeiras.

Uma na nascente do Rio Paranatinga e outra mais abaixo. A que se formou na nascente teve vida relativamente curta, enquanto que a de baixo prosperou e tornou-se o núcleo da futura cidade. O nome Paranatinga vem de acidente geográfico, o Rio Paranatinga, que banha o município e a cidade.

Pela Lei nº 2.908, de 6 de janeiro de 1969, foi criado o distrito de Paranatinga. A Lei nº 3.140, de 14 de dezembro de 1971, alterou a denominação para Alto Paranatinga.

Algum tempo depois uma lei estadual extinguiu o distrito de Simões Lopes, sendo seu território encampado pelo de Alto Paranatinga.

Em 17 de dezembro de 1979, pela Lei Estadual nº 4.155, foi criado o município, com o nome simplificado para Paranatinga.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Bacia hidrográfica[editar | editar código-fonte]

Grande Bacia do Amazonas. Para esta bacia contribuem as bacias dos rios Teles Pires e Culuene. O Rio São Manoel vem a ser o formador do Rio Teles Pires, juntamente com o Paranatinga. O Rio Pacu vem a ser o formador do Rio Culuene, que por sua vez é o formador do Rio Xingu

Clima[editar | editar código-fonte]

No Centro-Norte: Equatorial quente e úmido; no Centro-Sul: Tropical quente e sub-úmido. Período de seca de quatro meses, de maio a agosto. Precipitação anual de 2.250 mm, intensificando-se em janeiro, fevereiro e março. Temperatura média anual 24º C, com maior máxima de 38º C, e menor mínima de 4º C.

Agricultura[editar | editar código-fonte]

Produção agrícola (cereais, leguminosas e oleaginosas)
grao Área colhida-Hectare Quantidade produzida-Tonelada
Arroz 23.000 44.459
Soja 42.000 113.400
Milho 3.800 8.340
  • Fonte: IBGE - Produção Agrícola Municipal 2007

Pecuária[editar | editar código-fonte]

  • Bovinos: 521.085 cabeças
  • Suínos: - 13.045 cabeças
Fonte: IBGE, Produção da Pecuária Municipal 2011


Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Mato Grosso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.