Part-time

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes (desde setembro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox question.svg
Esta página ou seção carece de contexto (desde dezembro de 2009).

Este artigo (ou seção) não possui um contexto definido, ou seja, não explica de forma clara e dire(c)ta o tema que aborda. Se souber algo sobre o assunto edite a página/seção e explique de forma mais clara e objetiva o tema abordado.

Tempos atrás era comum. um emprego part–time geralmente paga menos do que um emprego full–time, e possui menos horas de trabalho por semana. Geralmente os trabalhadores não tem nenhum benefício garantido (como plano de saúde) com empregos part-time. Portanto, um emprego part-time nada mais é que um emprego com horários reduzidos e, portanto, benefícios e salários também menores. Hoje em dia é totalmente diferente um part-time, isso possível através do marketing de rede e contrato com empresas que tem uma nova visão de mercado, muitas vezes o profissional produz com muito mais eficácia no part-time do que no full-time, que é extremamente desgastante em função do trânsito das grandes cidades, como em são paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre e outras capitais que o trânsito está caótico. Seus salários são excelentes, principalmente no caso do Marketing de rede, também considerado um part-time e os demais empregos part-time também são bem remunerados.

Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre economia é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.