Partição da Irlanda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

A Partição da Irlanda foi uma partição entre o nordeste dos seis condados e os restantes vinte e seis condados teve lugar no dia 3 de Maio de 1921 sob o Acto do Governo da Irlanda de 1920.[1] Toda a ilha da Irlanda passou a ser, provisoriamente, Estado Livre Irlandês em 6 de Dezembro de 1922. Contudo, o Parlamento da Irlanda do Norte exerceu o seu direito de optar por sair do novo domínio no dia seguinte.

Esta partição criou dois territórios na ilha da Irlanda: Irlanda do Norte e Irlanda do Sul. Hoje, o primeiro ainda é conhecido como Irlanda do Norte, enquanto que o último é conhecido simplesmente como Irlanda (ou, no caso de diferenciação entre o Estado e toda a ilha, é necessário que o Estado seja referido como o República da Irlanda). A Irlanda do Norte permanece como parte do Reino Unido, enquanto que a Irlanda é um Estado soberano.

Referências

  1. NSR&O 1921, No. 533.
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.