Paxá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Insígnia de paxá otomano capturada pelos romenos em 1877.

Paxá (turco otomano: پاشا, paşa;1 persa: پاشا) é a denominação dada entre os turcos aos governadores de províncias do Império Otomano dado a generais e governadores dignatários, e correspondia ao título de "Excelência" usado no Ocidente. Como um título honorário, Paxá, em um de seus vários níveis, é equivalente ao título britânico de Lorde, e também foi um dos títulos mais altos na pré-república do Egito. Haviam três níveis dos paxás: o primeiro, ou mais alta classe, tinha o privilégio de dar um padrão de três rabos de cavalo, o segundo de dois, e o terceiro de um.2

Referências

  1. "pasha." Online Etymology Dictionary. 2001.
  2. The empires and cities of Asia (1873) por Forbes, A. Gruar. Página 188

Este artigo incorpora texto da Encyclopædia Britannica (11ª edição), publicação em domínio público.

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Paxá
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.