Pedro Ken

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pedro Ken
Informações pessoais
Nome completo Pedro Ken Morimoto Moreira
Data de nasc. 20 de março de 1987 (28 anos)
Local de nasc. Curitiba (PR), Brasil
Altura 1,81 m[1]
Destro
Informações profissionais
Clube atual Brasil Coritiba
Número 8
Posição Meia e Volante
Clubes de juventude
2005–2006 Brasil Coritiba
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2006–2009
2010–
2011
2012
2013–2014
2015–
Brasil Coritiba
Brasil Cruzeiro
Brasil Avaí (emp.)
Brasil Vitória (emp.)
Brasil Vasco da Gama (emp.)
Brasil Coritiba (emp.)
00092 000

(12)
00030 000(3)
00026 000(2)
00052 000(7)
00085 000(4)
00009 000(1)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 8 de novembro de 2014.

Pedro Ken Morimoto Moreira (Curitiba, 20 de março de 1987) é um futebolista brasileiro que joga como Meia (futebol) e volante (futebol). Atualmente joga pelo Coritiba por empréstimo do Cruzeiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Coritiba[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira profissional em 2006 no Coritiba. Em 2007, foi um dos responsáveis pela conquista da Série B 2007. No Ano de 2008 teve uma boa participação no Campeonato Paranaense 2008, mas sofreu uma lesão e não pôde participar da Série A 2008.

Em 2009, Pedro Ken esteve de volta aos gramados para participar do Campeonato Paranaense e do Campeonato Brasileiro de Futebol.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2009 confirmou sua transferência para o Cruzeiro por um valor próximo à 3,75 milhões de reais, assinando um contrato de cinco anos com o clube mineiro.[2]

Avaí[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2011 foi emprestado pelo Cruzeiro para o Avaí até o final da temporada.[3] Fez sua estreia pelo time catarinense no dia 11 de junho, num jogo válido pelo Campeonato Brasileiro em que o Avaí empatou na Ressacada com o América Mineiro.[4] Seu primeiro gol pelo time, foi no jogo em que o Avaí saiu derrotado pelo Grêmio por 2 a 1 na Ressacada no dia 25 de setembro.[5] Após 26 jogos disputados e apenas 2 gols marcados, Ken amargou junto com o Avaí o rebaixamento do Campeonato Brasileiro e foi dispensado um dia após o último jogo do time.[6]

Vitória[editar | editar código-fonte]

No dia 25 de janeiro de 2012, Pedro Ken foi novamente emprestado, desta vez ao Vitória, sendo oficialmente apresentado pelo clube no dia seguinte.[7] Contratado sem grandes expectativas, assumiu rapidamente o posto de titular absoluto no meio-de-campo da equipe, tornando-se uma das principais peças da boa campanha na Série B e na Copa do Brasil e agradando também a torcida. O Vitória iniciou o campeonato de forma destacada, com dez vitórias e um empate nos treze primeiros jogos, mantendo-se invicto nos jogos realizados na sua casa, o Barradão, durante os sete primeiros meses do ano, e assumiu a liderança do campeonato na 18ª rodada. Pedro Ken firmou-se também como o cobrador de faltas do rubro-negro baiano, e desta forma marcou um belo gol na vitória por 3–2 sobre o Boa Esporte, seu sétimo tento pela equipe.[8]

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

No final de dezembro de 2012, foi acertada uma troca entre Cruzeiro, detentor dos direitos de Pedro Ken, e o Vasco da Gama.[9] Em troca, o Cruzeiro vai contar com o volante Nilton. Em sua estreia pelo cruz-maltino contra o Boavista, Pedro deu duas assistências, uma para Carlos Alberto e outra para o gol de Éder Luís, primeiro e segundo gols da partida que terminou em 3x0, respectivamente. Marcou seu primeiro gol com a camisa do Vasco na derrota para o Flamengo por 4x2, depois do jogo o jogador disse que trocaria seu gol pela vitória.[10] Em 2014, com a ida de Marlone para o Cruzeiro o seu contrato de empréstimo com o Vasco foi renovado por mais um ano.[11]

Retorno ao Coritiba[editar | editar código-fonte]

No dia 08 de Janeiro de 2015, foi emprestado ao Coritiba, até o final da temporada 2015, sendo a sua segunda passagem pelo coxa.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Brasil Coritiba
Brasil Cruzeiro

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]