Pentium OverDrive

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Pentium OverDrive foi um nome de marketing de microprocessadores usado pela Intel, para cobrir uma variedade de produtos de upgrade para usuários vendidos no meio da década de 90. Foi lançado originalmente para motherboard 486, e depois para alguns sockets Pentium. A Intel abandonou a marca, pois esta falhou em apelar para clientes corporativos, e desencorajou novas vendas dos sistemas.

Soquetes 486[editar | editar código-fonte]

O Pentium OverDrive foi projetado para que permitisse a proprietários de placas-mãe do tipo 486 atualizar suas máquinas para o desempenho do Pentium, sem o custo de ter que substituir todo o sistema. O chip foi uma fortemente modificada arquitetura de Pentium P54, feita com tecnologia de 0,6 mícron e operando em 3,3 volts, mas com um barramento de dados semi-wide (32 bits) e um cahe L1 maior, de 32 KB (16 KB + 16 KB), o dobro da plataforma Pentium P54. Infelizmente o projeto foi "amaldiçoado" com vários problemas de compatibilidade.A Intel alterou a especificação durante o desenvolvimento, tornando modelos de placas-mãe antes compatíveis agora incompatíveis.

Pentium Overdrive para Socket 4, 120/133 Mhz.
Pentium Overdrive para Socket 4 sem cooler.
Pentium Overdrive MMX, 166 MHz.
Pentium Overdrive MMX sem cooler.
Pentium II Overdrive sem heatsink. Flip-chip Deschutes core à esquerda. O cache de 512 KB está a direita.
Uma versão Engineering Sample extremamente rara do Pentium II Overdrive CPU, mostrando o fundo da unidade.