Pequeno cão russo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pequeno cão russo
Nome original Русский той-терьер
País de origem  Rússia
Características
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 9
Seção 9 - Cães de companhia - epagneul anão continental e pequeno cão russo
Estalão #352 - 21 de fevereiro de 2006

A pequeno cão russo[Nota] (em russo: Русский той-терьер) é uma raça do início do século XX, enquanto um dos cães decorativos mais populares na Rússia. No entanto, entre 1920 e 1950 seu número caiu a um nível crítico. Após estes trinta anos, criadores começaram o renascimento da raça. Praticamente todos os cães que foram utilizados na criação destes novos exemplares não tinham nenhum pedigree e como seu padrão estabelecido ficou bem diferente ao do toy terrier, um dos animais utilizados nos cruzamentos, a evolução da raça no país foi a sua própria maneira, cuja nova geração possui pelagem longa e curta. Seu peso máximo não atinge os 3 kg, mede um limite de 26 cm - o que o coloca como uma das menores raças conhecidas do mundo - e tem o temperamento classificado como amável, inteligente e companheiro da família.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Russian toy (em inglês). Dog breed info center. Página visitada em 21 de setembro de 2010.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikipedia lexikon2.jpg   Nota linguística: Na busca pela padronização de uma nomenclatura^ e para adequar a grafia da Wikipédia às normas do português, os nomes das raças - alguns mantidos no original (Fogle (2009)) - estão grafados em iniciais minúsculas, como também visto em dicionário de Cinologia. Todavia, as entidades cinófilas - CBKC do Brasil, CPC de Portugal e FCI - possuem o padrão adotado em maiúsculas, assim como a Enciclopédia Conhecer (vol. II, p. 414).


Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.