Perfume: The Story of a Murderer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Perfume: The Story of a Murderer
O Perfume: História de um Assassino (PT)
Perfume: A História de um Assassino (BR)
 Alemanha /  França /  Espanha
2006 • cor • 147 min 
Direção Tom Tykwer
Produção Andrew Birkin
Bernd Eichinger
Martin Moszkowicz
Roteiro Patrick Süskind (livro)
Andrew Birkin
Bernd Eichinger
Elenco Ben Whishaw
Dustin Hoffman
Alan Rickman
Rachel Hurd-Wood
Jessica Schwarz
Karoline Herfurth
John Hurt
Género suspense
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Perfume: The Story of a Murderer (Perfume: A História de um Assassino (título no Brasil) ou O Perfume: História de um Assassino (título em Portugal)) é um filme lançado em setembro 2006, é uma adaptação do livro homônimo do escritor alemão Patrick Süskind.

História[editar | editar código-fonte]

O filme conta a história em flashback do aprendiz de perfumista Jean-Baptiste Grenouille (interpretado por Ben Whishaw) que estava a ponto de ser guilhotinado, acusado de assassinar várias mulheres, na Paris de 1738.

Jean-Baptiste Grenouille nasceu com um dom fora do comum: um olfato super sensível, algo que lhe permitia distinguir separadamente os vários cheiros da natureza e que constitui uma fragrância de cosméticos. Sua vida foi muito solitária, marcada, desde o nascimento pelo abandono da mãe e, mais tarde, em um orfanato, pelo das outras crianças ao seu redor. Grenouille fechou-se muito em seu mundo, não conversava com ninguém e, portanto, não conseguiu exercer os atos da linguagem e da comunicação. Passou a vida inteira como um "lixo" social, sendo maltratado, incompreendido e excluído por todos. Em uma noite, o rapaz avistou uma pobre vendedora de frutas na rua e ficou extasiado com o perfume que exalava de seu corpo. E, quando aproximou-se dela, ela se assustou e saiu correndo,mas ele encontro-a tempos depois, novamente então ele se aproximou dela e ela se assustou, e antes mesmo de gritar, Grenouille tapou a boca da moça de uma tal maneira que sem querer acabou matando-a sufocada. No entanto, o que mais admirou Grenouille não foi ter eliminado uma vida, mas o fato de seu cheiro dela não permanecer no seu corpo inerte. Antes de conhecer o Mestre Baldini (interpretado por Dustin Hoffman), perfumista de relativa reputação, Grenouille trabalhava como curtidor. Após demonstrar seu dom a Baldini, Grenouille é aceito no seu ateliê e acaba detendo a arte de confeccionar perfumes.

No entanto, o jovem e impetuoso aprendiz tinha uma ambição (ou compulsão) por querer impregnar nos frascos o cheiro dos mais diversos elementos da natureza (a água, as pedras, as folhas, a terra e, até mesmo, o odor dos animais), mas apesar disso, queria saber como extrair os cheiros, ele queria extrair o cheiro das mulheres, para fazer o mais belo perfume. Apesar de ser repreendido por Baldini por ter assassinado o seu gato, Grenouille não abandonou essa obsessão.

Foi mandado por Baldini à cidade de Paris. Grenouille é, por causa de seu olfato apuradíssimo, um ser capaz de perceber (e se encantar) com cheiros imperceptíveis pela maioria das pessoas.

Uma vez que Grenouille aprendeu a técnica para a extração da essência dos elementos, ele resolve aplicá-la ao seu novo item bizarro: os corpos das jovens mulheres mortas.

Grenouille utilizava-se de um imenso decantador para atirar em seu interior os corpos das mulheres mortas no intuito de, assim, extrair a doce essência delas. Mas tal experiência resultava em fracassso e, então, Grenouille tentou outro método: ele fazia a depilação das mulheres mortas, pois, de certa forma, percebeu que o cheiro delas provinha da epiderme.

Com a coleta do cheiro das mulheres percebe-se que quando ele o espalha pelo ar as pessoas voltam a sua origem sentimental, pois a pele exala o amor universal e incondicional. Tal sentimento lhe causa dor por saber que ele nunca o teve de ninguém e prefere o nada ao ter que suportar essa dor. Apesar da sua solidão e ignorância ele consegue chegar ao mais puro dos sentimentos e à sua essência.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]