Peseshet

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Peseshet
psš.t[1] em hieroglifos é
p s S
t

Peseshet, que viveu durante a Quarta Dinastia, é considerada a primeira mulher médica do Antigo Egito, embora outra, Merit Ptah tenha vivido antes. Recebeu o título de a "supervisora das mulheres médicas," [2] [3] mas se ela mesma era médica é incerto [4] . Tinha um filho, Akhethetep, em cuja mastaba em Giza foi encontrada a sua stela pessoal[5] [6] .

Ela deve ter se graduado como parteira [7] numa antiga escola médica no Egito em Saís; a profissão de parteira deve ter existido, embora nenhum termo egípcio antigo seja conhecido. A Bíblia Hebraica – enquanto sendo uma referência documental mas não um fonte de eventos históricos comprováveis anteriores ao século VII a.C. – refere-se a parteiras em Êxodo 1,16.

Referências

  1. Hermann Ranke: Die ägyptische Persönennamen. Verlag von J. J. Augustin in Glückstadt, 1935., p.137
  2. Plinio Prioreschi, A History of Medicine, Horatius Press 1996, p.334
  3. Lois N. Magner, A History of Medicine, Marcel Dekker 1992, p.28
  4. Sheldon J. Watts, Disease and Medicine in World History , Routledge 2003, p.19
  5. Giorgio Lise, Medicina nell'antico Egitto, Cordani 1978, p.41
  6. Paul Ghalioungui, Les plus anciennes femmes-médecins de l'histoire, in BIFAO 75 (1975), pp.159-164
  7. Mario Tosi, La donna nell'antico Egitto, Giunti 1997, p.79