Pestiño

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pestiños
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pestiño

O pestiño é um doce típico da Andaluzia, e de outras zonas de Espanha, tradicionalmente consumido no Natal, embora em algumas localdiades se confecione todo o ano. É feito com massa de farinha, frito em azeite e passado por mel.[1] [2] Em Valência é chamada pestinyo e é aromatizado com anis e laranja. Na região de Salamanca, onde também é popular, é chamado sacatrapos ou sacatrapu e, como em Toledo, é típico da Semana Santa.

É comum aromatizar a massa com sésamo. O tamanho e forma são variáveis, embora geralmente seja um quadrado de massa com dois dos cantos opostos colados ao centro. Em vez de mel, por vezes usa-se açúcar. Além da forma, também a composição varia conforme a região. Em Málaga são chamados borrachuelos.[3]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. Sordo, Enrique. Cómo conocer la cocina española (em espanhol). [S.l.]: Argos Vergara, 1980. 238 pp. p. 30-33. ISBN 84-7017-907-1
  2. pestiño (em espanhol) Diccionario de la lengua española (lema.rae.es). Real Academia Espanhola.
  3. Aguirre, Lakshmi I.. Borrachuelos (em inglês) TertuliaAndaluza.com..


Ícone de esboço Este artigo sobre culinária é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.