Phascogale tapoatafa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaPhascogale tapoatafa
Tasa-drawing.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 NT pt.svg
Quase ameaçada
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Infraclasse: Marsupialia
Ordem: Dasyuromorphia
Família: Dasyuridae
Género: Phascogale
Espécie: P. tapoatafa
Nome binomial
Phascogale tapoatafa
(Meyer, 1793)

Phascogale tapoatafa é uma espécie de marsupial da família Dasyuridae.

  • Nome Científico: Phascogale tapoatafa (Meyer, 1793)
  • Sinônimo do nome científico da espécie: Phascogale penicillata;

Características[editar | editar código-fonte]

O Fascogale-cauda-de-escova, tem um focinho pontudo e os pelos da cauda preto e longos. Estes pelos cobrem dois terços da cauda e medem até 5 cm de comprimentos. A parte superior é cinza e o ventre é branco. Os olhos e orelhas são grandes. Mede 15–26 cm de comprimento do corpo e a cauda 16–23 cm, pesam 110-310 gramas;

Foi descrito primeiramente po F. Meyer em 1793; George Shaw publicou uma descrição revista em 1800. Durante algum tempo foi considerado um membro do gênero Didelphis, mas isso terminou em 1844, quando C J Temminck erigiu o gênero Phascogale. A espécie é intimamente relacionada com o Fascogale-de-cauda-vermelha (Phascogale calura), seu nome científico, tapoatafa, é uma referência ao nome indigena australiano, tem sido chamado por vezes de Phascogale penicillata.

Hábitos alimentares[editar | editar código-fonte]

Esta espécie é um caçador noturno e arborícola. Ele come pequenos mamíferos, aves, lagartos e insetos, principalmente aranhas. Eles ainda bebem néctar de árvores florídas.

Características de reprodução[editar | editar código-fonte]

A reprodução ocorre entre junho e agosto, quando as fêmeas entram no cio. Todos os macho morrem antes de completarem um ano de idade, em geral de doenças relacionadas com a exaustão provocadas pela energia que gastam em um ataque frenético de acasalamento.

As fêmeas fazem seus ninhos em árvores ocas, tendo ninhadas de 7 a 8 filhotes, que permanecem no ninho até 5 meses;

Habitat[editar | editar código-fonte]

Vive no deserto, floresta temperada, florestas tropicais, savanas, matagais de regiões áridas;

Distribuição Geográfica[editar | editar código-fonte]

Sudoeste da Austrália Ocidental, Sudeste da Austrália Meridional, Sul de Victoria, leste de Queensland, Território do Norte;

Subespécies[editar | editar código-fonte]

  • Subespécie: Phascogale tapoatafa pirata (Thomas, 1904)

Nome popular: Fascogale-cauda-de-escova-do-norte;

Sinônimos do nome científico da subespécie: Phascogale pirata, Phascogale penicillata pirata;

Nota: Pode talvez, ser espécie distinta;

Local: Norte da Austrália;

  • Subespécie: Phascogale tapoatafa tafa? (White, 1803)

Sinônimos do nome científico da subespécie: Dasyurus tafa, Phascogale tafa;

Nota: Considerado sinônimo de Phascogale tapoatafa tapoatafa;

Local: Nova Gales do sul;

  • Subespécie: Phascogale tapoatafa tapoatafa (Meyer, 1793)

Nome popular: Fascogale-cauda-de-escova-do-sul, Tuan;

Local: Sul da Austrália;

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre marsupiais, integrado no Projeto Mamíferos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.