Piero (filho de Magnes)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Piero, filho de Magnes, na mitologia grega foi um mortal por quem a musa Clio se apaixonou[1] .

Clio havia criticado o romance de Afrodite com o mortal Adônis, e a deusa, por vingança, fez Clio se apaixonar por um mortal, Piero[1] . Desta união nasceu Jacinto[Nota 1] , por quem Tâmiris, filho de Filamon, se apaixonou, no primeiro caso de homossexualidade entre mortais da mitologia[1] . Apolo, mais tarde, também se apaixonou por Jacinto, a matou-o acidentalmente[1] .

Notas e referêncas[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Em outras versões do mito, Jacinto é um espartano, filho de Amiclas

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d Pseudo-Apolodoro, Biblioteca, 1.3.3