Pierre Plantard

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pierre Plantard
Nome completo Pierre Athanase Marie Plantard
Nascimento 18 de Março de 1920 (94 anos)
Paris,  França
Morte 3 de fevereiro de 2000
Paris,  França

Pierre Plantard de Saint-Clair nascido Pierre Athanase Marie Plantard, (18 de Março de 19203 de Fevereiro de 2000) foi um desenhista francês,[1] mais conhecido por ser o principal autor do boato do Priorado de Sião,

onde alegava ser a partir da década de 1960 o descendente direito da linha masculina direta de Dagoberto II e do "Grande Monarca" profetizado por Nostradamus.[2] Hoje, na França, ele é comumente considerado como um enganador[3]

Início[editar | editar código-fonte]

Pierre Plantard nasceu em 1920, em Paris, o filho de um mordomo e uma concierge (descrita como cozinheira de famílias ricas em relatórios policiais da década de 1940).[4] [5]

Ocupação da França[editar | editar código-fonte]

Após a dissolução d a maçonaria da Grande Oriente de França durante a França de Vichy em 13 de agosto de 1940,[4] [6] Plantard escreveu uma carta datada de 16 Dezembro de 1940 ao marechal Philippe Pétain oferecendo seus serviços de colaboracionista do governo, referindo-se a uma "terrível conspiração maçônica e judaica".[7] Em abril de 1941 Plantard escreveu ao chefe de polícia de Paris que seu grupo da Renovação Nacional francesa iria tomar posse das instalações devolutas localizadas em na 22 place Malesherbes, 1º andar, "que estão atualmente a deixar para um Inglês judeu, o Sr. Shapiro, atualmente lutando ao lado de seus companheiros nas forças armadas britânicas." [8] Em 1942 Plantard queria formar uma outra associação, a Galatas Alpha, a adesão era proibida a judeus, mas as autoridades alemãs de ocupação recusaram a criação.[4] [5]


Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. Jean-Luc Chaumeil, "Les Archives du Prieuré de Sion" (Le Charivari, N°18, 1973)
  2. Marie-France Etchegoin & Frédéric Lenoir, Code Da Vinci: L'Enquête, p.61 (Robert Laffont, 2004).
  3. L'ABC de RLC – l'Encyclopédie de Rennes-le-Château, page 180: "Personnage emblématique de l'affaire de Rennes-le-Château, éminence grise et co-auteur de livres avec l'écrivain Gérard de Sède, dessinateur industriel, ésotériste et médium sous le nomen de Chyren, directeur, journaliste et gérant de la revue Circuit, mystificateur". (Marseille: Éditions Arqa, 2009). ISBN 2-7551-0031-1
  4. a b c Jean-Luc Chaumeil, La Table d'Isis ou Le Secret de la Lumière, Editions Guy Trédaniel, 1994, p. 121-124. ISBN 2-85707-622-3
  5. a b Massimo Introvigne, Beyond The Da Vinci Code: History and Myth of the Priory of Sion.
  6. Robert Richardson, The Priory of Sion Hoax in Gnosis (No. 51, Spring 1999), p. 49-55.
  7. Jean-Jacques Bedu, Les Sources Secrètes du Da Vinci Code, page 63 (Monte-Carlo, Èditions du Rocher, 2005. ISBN 2-268-05385-7)
  8. Jean-Jacques Bedu, Les Sources Secrètes du Da Vinci Code, page 70 (Monte-Carlo, Èditions du Rocher, 2005. ISBN 2-268-05385-7)