Pierre Reverdy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Amedeo Modigliani, Pierre Riverdy, 1915.jpg

Pierre Reverdy (13 de setembro de 188917 de junho de 1960) foi um poeta francês associado ao Surrealismo e, principalmente, ao Cubismo, do qual se tornou o principal teórico em sua transposição para a Literatura após a morte de Apollinaire[1] .

Citações[editar | editar código-fonte]

"A natureza é natureza, não poesia. É a reação dela sobre a compleição de alguns seres que produz a poesia."

"A imagem é uma criação pura do espírito. Ela não pode nascer de uma comparação, mas da aproximação de duas realidades mais ou menos distantes."

"Não conheço exemplo de uma obra que tenha inspirado menos confiança em seu autor do que a minha. Também . Aceito aqui que ela talvez seja apenas um testemunho de impotência."

"A ética é a estética de dentro."

Referências

  1. Plazy, Gilles. Picasso. Tradução Paulo Neves. L&PM Editora. Porto Alegre. 2007.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Pierre Reverdy
Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.