Pilha de Daniell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Diagrama de uma pilha de Daniell

A pilha de Daniell (também chamada de célula de Daniell) é uma pilha constituída de eletrodos de cobre e zinco interligados e respectivamente imersos em solução de Cu+2 e Zn+2. Foi inventada pelo físico-químico britânico John Frederic Daniell em 1836, um grande avanço sobre a pilha de Volta utilizada até então, nos primórdios da criação das baterias.[1]

Referências

  1. John Frederic Daniell (British chemist) -- Britannica Online Encyclopedia Encyclopedia Britannica. Visitado em 2013-01-22. (em inglês)
Ícone de esboço Este artigo sobre Química é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.