Piscina natural

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Uma piscina natural, em alguns casos conhecida como biopiscina é uma formação natural ou de construção humana, similar a um piscina com água doce ou salgada em seu interior, geralmente formada por diversos tipos de pedras, também se define como uma piscina que utiliza sistemas de limpeza e filtro naturais (plantas, peixes) ao invés de produtos químico.

O processo de depuração de uma piscina natural se dá por meio de plantas que ajudam a oxigenar e eliminar os nutrientes que permitem que se propaguem as algas e outros microorganismo como larvas de mosquitos. Porém, esta não garante a eliminação completa desses seres biológicos.

Geralmente são construídas por humanos em diversos locais ou formada naturalmente em praias e cachoeiras.

Vantagens[editar | editar código-fonte]

  • Não há cloro, irritante para os olhos e mucosa. A qualidade da água é similar a um lago, rio ou lagoa.
  • Necessita de menos manutenção (uma limpeza anual do fundo) e não necessita de comprar produtos químicos.
  • Pode-se incluir animais e plantas aquáticas, não apenas como adornos, mas como exterminador de larva e insetos.

Desvantagens[editar | editar código-fonte]

  • Pode ser contaminado por contágio caso seu afluente (mar ou rio) também esteja contaminado.
  • Difícil e moderada construção, devido o fato da oscilação do conteúdo.
  • Difícil encontrar profissionais qualificados.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]