Pittosporum coriaceum

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaPittosporum coriaceum
mocano
Pittosporum coriaceum no Jardin Botanique de Lyon.

Pittosporum coriaceum no Jardin Botanique de Lyon.
Estado de conservação
Status iucn3.1 CR pt.svg
Em perigo crítico
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Rosales
Família: Pittosporaceae
Género: Pittosporum
Espécie: P. coriaceum
Nome binomial
Pittosporum coriaceum
Dryand. ex Aiton

O mocano (Pittosporum coriaceum) é uma planta do género Pittosporum, da família Pittosporaceae, espécie endémica da Macaronésia. Extinta nas Canárias, tem sobrevivido na ilha da Madeira.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Apresenta-se como um arbusto ou árvore pequena com cerca de 5 a 8 metros de altura, perenifólia de tronco cinzento-claro e liso. As folhas são oblongas a obovado-oblongas, obtusas, espessas, coriáceas e glabras.

As flores desta planta são pequenas de cor branco branco-amareladas, aromáticas e reunidas em cimeiras umbeliformes.

Apresenta um fruto em cápsula de até 2 centímetros de comprimento de forma ovóide, apiculado, lenhoso, acastanhado quando maduro.

Trata-se de uma espécie endémica da ilha da Madeira, extremamente rara que habita escassas escarpas da floresta de Laurissilva do Til.

Apresenta floração entre Maio e Junho.

Ao longo dos tempos a madeira de mocano, muito leve e de cor amarelado a acinzentado, foi utilizada em marcenaria. Actualmente trata-se de uma espécie muito rara cuja exploração é impossível.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a ordem Apiales, integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.