Placa somali

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O rifte da África oriental, com a placa somali à direita.

A placa somali é uma placa tectónica que se está a formar à medida que a placa africana se está a partir ao longo do Rifte da África Oriental. A porção da placa africana situada do outro lado do rifte é por vezes chamada de placa da Núbia. Dado que o fissuramento está, em termos geológicos, apenas no seu início, estas duas parte da placa africana são geralmente vistas como protoplacas em lugar de placas totalmente definidas e independentes.[carece de fontes?]

A placa somali é limitada a oeste pelo Rifte da África Oriental, que se estende para sul pela África Oriental desde o ponto triplo na depressão de Afar, e uma continuação submarina do rifte que se estende para sul ao largo da costa. A fronteira norte é a dorsal de Aden ao longo da costa da Arábia Saudita. A fronteira leste é a dorsal central indiana, a porção norte da qual é também conhecida como dorsal de Carlsberg. O limite sul é a dorsal indiana do sudoeste. A datação de vulcanismo nas ilhas Comoros e de vulcões do norte de Madagáscar, indica uma velocidade de deslocamento para este sobre um ponto quente de aproximadamente 45 mm/ano.

Referências[editar | editar código-fonte]


Placas tectônicas
Placas tect2 pt BR.svg
PLACAS PRINCIPAIS
Africana | da Antártida | Australiana | Euro-Asiática | do Pacífico | Norte-americana | Sul-americana
PLACAS MENORES
Adriática | da Anatólia | Arábica | Caribenha | da Carolina | de Cocos | das Filipinas | de Gorda | Helênica | Indiana | Indo-Australiana | Iraniana | Juan de Fuca | de Nazca | de Scotia | da Somália | de Sunda | de Tonga
Ícone de esboço Este artigo sobre Geologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.