Plexo mioentérico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Plexo mioentérico, num coelho. Ampliação: 50x

O plexo mioentérico ou plexo de Auerbach faz parte do sistema nervoso entérico. É formado por uma cadeia de neurônios e células da glia interconectados, que coordenam principalmente as contrações no trato gastrintestinal. Situa-se entre as camadas musculares longitudinal e circular.

Está presente em todo o trato gastrintestinal. Atua de modo predominantemente excitatório, no controle do peristaltismo, aumentando a contração tônica da parede muscular, a frequência e intensidade da contração e aumentando a velocidade de transmissão das ondas excitatórias.[1]

Servem de estímulo para o plexo a distensão do intestino pelo acúmulo de certa quantidade de alimento num ponto do trato gastrintestinal, irritação do epitélio e sinais nervosos extrínsecos do sistema nervoso parassimpático. Na ausência congênita do plexo mioentérico, o peristaltismo - quando ocorre - é extremamente fraco.[1]

Epônimo[editar | editar código-fonte]

O plexo mioentérico é chamado pelo epônimo "plexo de Auerbach" por ter sido descoberto pelo anatomista alemão Leopold Auerbach.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b GUYTON, Arthur C. HALL, John E. Tratado de Fisiologia Médica. 9ª ed. Guanabara Koogan. 1997. Pgs. 717, 718.
  2. Who Named It? Leopold Auerbach (em inglês)
Ícone de esboço Este artigo sobre Fisiologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.