Pola Negri

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pola Negri
Nome completo Barbara Apolonia Chałupiec
Nascimento 31 de dezembro de 1896
Lipno, Condado de Lipno, Polónia
Morte 1 de agosto de 1987 (90 anos)
San Antonio, Texas, Estados Unidos
Ocupação Atriz
Cônjuge Eugeniusz Dambski (1919 – 1922)
Serge Mdivani (1927 – 1931)
Atividade 1914 - 1944, 1964
IMDb: (inglês)

Pola Negri, nome artístico de Barbara Apolonia Chałupiec (Lipno, 31 de dezembro de 1896  — San Antonio, 1 de agosto de 1987), foi uma atriz polaca radicada nos Estados Unidos.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Foi a primeira atriz europeia a ser levada para os Estados Unidos e fazer sucesso. Após conquistar atenção pelos seus trabalhos em "Carmen", em 1918 e em "Madame Du Bary" em 1919, ambos realizados na Alemanha, Pola Negri foi para Hollywood em 1921 com o diretor Ernest Lubitsch, que a tinha dirigido nos dois filmes.

Contratada pela Paramount, trabalhou nas películas Bella Donna ("A Bela Diana")e "Beijos que se vendem", dirigidos por George Fitzmaurice. Ela foi uma das heroínas do cinema mudo e nas telas era considerada uma vamp, que levava os homens que se aproximavam dela ao perigo e ao pecado.

Na década de 30, Pola Negri voltou à Europa, onde interpretou Mazurka (1935), na Alemanha, de Willi Forst. Às vésperas da queda da França, em 1940, na Segunda Guerra Mundial, voltou aos Estados Unidos.

Na vida sentimental, nunca negou que teve romances com Rodolfo Valentino e Charles Chaplin. Passou os últimos vinte e cinco anos de sua vida totalmente distante do mundo artístico em sua residência no Texas e faleceu aos 90 anos vítima de uma pneumonia.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Pola Negri