Ponte do Queensboro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Ponte do Queensboro
Ponte do Queensboro visto do rio East em 2006
Nome oficial Queensboro Bridge
Arquitetura e construção
Design Ponte de dois andares
Mantida por New York City Department of Transportation
Data de abertura 30 de março de 1909 (105 anos)
Dimensões e tráfego
Comprimento total 1 135 m (3,724 pés)
Largura 30 m
Tráfego 192 mil veículos/dia
Pedágio Livre
Geografia
Cruza Rio East
Localização 59th Street,
ManhattanQueens
Flag of New York City.svg Nova Iorque
 Nova Iorque
 Estados Unidos
Coordenadas 40° 45′ N 73° 57′ W
Queensboro Bridge
Registro Nacional de Lugares Históricos
Ponte do Queensboro está localizado em: Nova Iorque (cidade)
Coordenadas: 40° 45′ N 73° 57′ W
Adicionado ao NRHP: 20 de dezembro de 1978 (35 anos)
Registro NRHP: 78001879

Queensboro Bridge (em português: Ponte do Queensboro), também conhecida como 59th Street Bridge, é uma ponte na cidade de Nova Iorque com dois andares para o tráfego e que liga a ilha de Manhattan ao subúrbio do Queens atravessando o rio East.

História[editar | editar código-fonte]

No século XIX o governo de Nova Iorque recebeu várias propostas para a construção de uma ponte interligando Manhattan com a Long Island e uma das propostas aceitas foi financiada por uma empresa privada em 1867, porém a empresa faliu em 1890 sem sequer tirar as idéias do papel.

Os planos recomeçaram em 1903 comandados pelo Departamento de Pontes de Nova Iorque em acordo com os engenheiros da Ponte Williamsburg, mas a construção só começou em 1909 devido a atrasos e revoltas dos operários que tentaram até explodir a construção.

A ponte foi aberta ao tráfego em Março de 1909 com um custo total de 18 milhões de dólares e 50 operários mortos.

Após anos de degradação e abandono, a prefeitura de Nova Iorque deu início a uma extensa obra de revigoração da estrutura em 1987 e que perdura até hoje, com um custo superior a 300 milhões de dólares. A ponte recebeu 4 faixas de tráfego no andar superior e 6 faixas no andar inferior e ainda uma faixa para pedestres e uma ciclovia.

Ícone de esboço Este artigo sobre construção civil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Registro Nacional de Lugares Históricos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.