Popeye (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Popeye
Popeye (PT/BR)
Estados Unidos
1980 • Cor • 114 min 
Direção Robert Altman
Produção Robert Evans
Roteiro Jules Feiffer
Elenco Robin Williams
Shelley Duvall
Ray Walston
Paul L. Smith
Paul Dooley
Linda Hunt
Género Comédia, Musical
Idioma Inglês
Música Harry Nilsson
Direção de fotografia Giuseppe Rotunno
Figurino Scott Bushnell
Edição John W. Holmes
David Alan Simmons
Estúdio Paramount Pictures
Walt Disney Pictures
Lançamento 12 de dezembro de 1980

Popeye é um filme norte-americano de 1980 do gênero comédia musical , dirigido por Robert Altman. É uma adaptação das tiras do cartunista E. C. Segar, que em inglês são chamadas de Thimble Theatre, nas quais surgiram os famosos personagens Popeye, Olivia Palito e Brutus. O roteiro de Jules Feiffer foi baseado diretamente em Thimble Theatre Starring Popeye the Sailor, uma grande republicação das tiras de Segar de 1936-37, lançada em 1971 pela Nostalgia Press de Woody Gelman. As canções são de Harry Nilsson, exceto "I'm Popeye the Sailor Man" composta por Sammy Lerner para os desenhos animados de Max Fleischer com o personagem. O produtor foi Robert Evans.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Cidade fictícia de "Sweethaven", em Malta, local onde foi gravado o filme.

Numa noite de tempestade, o rabugento de bom-coração marinheiro Popeye chega em um pequeno barco ao porto da comunidade litorânea de Sweethaven. Ele aluga um quarto na pensão da família Palito e rapidamente se apaixona pela filha dos proprietários, Olívia. Olívia está perturbada pois fora prometida em casamento para o Capitão Brutus (que é chamado pelo nome original das tiras, Bluto), um encrenqueiro rufião que oprime a comunidade cobrando impostos abusivos para o seu chefe, o misterioso Comodoro.

Popeye conta que está a procura de seu pai, o Vovô Popeye, que sua mãe falecida lhe contara em sonho que ainda estaria vivo e morando naquele lugar. Ninguém lhe dá atenção, até que Popeye mostra sua força ao enfrentar um bando de valentões na taverna. Logo depois ele encontra Gugu, um bebê deixado em um cesto. Olívia, que estava para fugir de Brutus, resolve ficar e cuidar do bebê juntamente com Popeye. Gugu mostra que consegue fazer previsões (ele assobia quando houve uma previsão correta) e desperta a ganância de outros: primeiro de Dudu, o voraz devorador de hamburguer, que leva o bebê para o turfe; depois Brutus, que rapta Gugu e, graças ao dom do mesmo, descobre o paradeiro do tesouro do Comodoro. Brutus então trai o Comodoro e sai em alto-mar à procura do tesouro, levando Gugu e Olívia com ele. Popeye, junto de vários moradores de Sweethaven vão atrás de Brutus, para salvar os dois.

O Filme[editar | editar código-fonte]

O filme teve o seu roteiro baseado em algumas das primeiras histórias dos quadrinhos de Elzie Segar e algumas piadas visuais foram inspiradas nos antigos desenhos do Popeye produzidos por Max Fleischer. Apresentava ainda um "clima musical" bem parecido com os antigos episódios da década de 30, tais como: O Homem do Trapézio Voador ("The Man on the Flying Trapeze"), Cuidado com o Brutus Barbudus ("Beware of Barnacle Bill") e Machão do Machado ("Axe Me Another"), episódios com várias canções ou números musicais. O filme arrecadou $ 49.823.037 nas bilheterias Estados Unidos, mais do dobro do orçamento do filme. Recebeu críticas mistas em geral, incluindo opiniões favoráveis como as de Vincent Canby e Roger Ebert, e alguns comentários desfavoráveis de críticos como Leonard Maltin.

Nos Estados Unidos, algumas críticas negativas foram pelo fato de Popeye não gostar de espinafre na história, e só aprender a comer a verdura no final do filme. Mas, diferente desses críticos, os fãs das tirinhas de E. C. Segar diziam que a personagem "Popeye" original dos quadrinhos inicialmente também não comia espinafre (realmente, nas primeiras aparições Popeye ainda não a usava para ficar forte). E também havia o fato de que em muitos episódios de cinema Popeye contava a seus sobrinhos que quando ele era criança não gostava de espinafre, e que só depois aprendeu a importância de se te-lo nas refeições.

Um dos principais motivos pelo filme ter sido um pouco estranhado pela crítica é que as primeiras tiras em quadrinhos do Popeye publicadas em 1929, já não eram tão conhecidas quando o filme foi lançado, em 1980; e o público não estava muito familiarizado com as várias personagens da cidade de "Sweethaven" que aparecem durante o filme, pois eles participavam com mais frequência nos quadrinhos, do que nas animações. A história do roteiro também era mais inspirada nas primeiras histórias em quadrinhos de Elzie Segar, do que nos desenhos de cinema. Como nas tiras "Thimble Theatre" dos anos 30, o filme mostrava Popeye chegando à cidade de "Sweethaven" e conhecendo a família da Olívia Palito. Depois se apaixona pela Olívia, encontra Gugu abandonado em uma cesta (baseado em uma história publicada no dia 24 de julho de 1933, na qual Gugu faz sua estreia nos quadrinhos) e reencontra o seu pai desaparecido, Poopdeck Pappy (ou "Vovô Popeye"). Por esses motivos, algumas das pessoas que conheceram os quadrinhos originais do Popeye costumam defender a fidelidade do filme à obra de Elzie Segar. A fidelidade é apontada também em alguns outros pontos, como a interpretação de Robin Williams, que fica bem próxima ao Popeye dos curta-metragens dos Fleischer Studios. Um exemplo disso é que Williams matém o mesmo costume que o Popeye de Max Fleischer tinha, de sempre murmurar frases quase incompreensíveis em voz baixa, quando está pensando consigo mesmo.

A idade de Popeye no filme era de 32 anos, já que em uma cena ele diz que seu pai o abandonou quando ele tinha 2 anos, e que já não o via a 30 anos. Em um episódio da década de 1950 Popeye é mostrado como tendo 40 anos, mas curiosamente no site oficial do personagem (popeye.com), é dito que ele tem 34 anos, enquanto Olívia tem 29 e Brutus 36.

Elenco[editar | editar código-fonte]

O ator Robin Williams protagonizou o filme, no papel do Marinheiro Popeye.

Dublagem brasileira[editar | editar código-fonte]

No Brasil, o filme foi lançado em VHS pela Abril Vídeo, no ano de 1989, dublado pelo estúdio S&C Produções Artísticas - São Paulo, com Nelson Machado dublando a voz de Robin Williams (Popeye), e Noeli Santisteban a voz de Shelley Duvall (Olívia). Quando foi exibido pela Rede Globo, era com uma dublagem da Herbert Richers, que trazia o mesmo dublador do Popeye em seus desenhos, Orlando Drummond, dublando Robin Williams, e Miriam Ficher dublando Shelley Duvall, além de alguns outros dubladores que também davam voz às personagens na versão em desenho animado.

Na dublagem para VHS, o bebê "Swee'Pea" foi chamado de "Zezé" em vez de "Gugu" (o que não é totalmente errado, pois o personagem já havia sido chamado assim em algumas das primeiras traduções dos quadrinhos do Popeye); apesar disso, na versão do VHS a voz do dublador Nelson Machado se adequava melhor ao ator Robin Williams, enquanto na versão para TV, a voz de Orlando Drummond fica um pouco mais grossa do que a do ator, combinando mais com o "Popeye animado" que aparece na abertura do filme.

Primeira dublagem para VHS[editar | editar código-fonte]

Elenco da Herbert Richers (para TV)[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
Imagem de Popeye Village ou "Sweethaven", a cidade cinematográfica em Malta, onde foi gravado o filme do Popeye. Foi reformada, e hoje é aberta ao público como um museu ao ar livre.
  • Popeye foi uma produção conjunta da Paramount Pictures (distribuidora/produtora dos desenhos de Popeye durante o período de 1933-57) e a Walt Disney Productions (Antigo rival do Popeye e antigo rival do Mickey Mouse). O filme foi realizado em Malta, na vila de Mellieħa no noreste da costa da Islândia. O cenário é agora uma atração turística conhecida como a Vila Popeye.
  • A cidade de Sweethaven, onde mora a família de Olivia Palito, o seu namorado original Ham Gravy e uma infinidade de personagens secundários das tiras, aparecem no filme. O irmão de Olívia, Castor, tem uma importante participação no filme. Popeye é mostrado como detestando espinafre, o que gerou algumas críticas mas que pelas primeiras tiras não seria incorreto: o amor de Popeye pelo espinafre ficou mais acentuado com o passar do tempo e principalmente, nos desenhos animados.
  • Robin Williams teve de dublar várias de suas próprias falas, pois os resmungos característicos que Popeye costuma fazer haviam ficado inaudiveis nas filmagens.
  • A maquiagem dos músculos ampliados dos braços de Robin Williams não ficou pronta antes do começo das filmagens, daí em algumas cenas Popeye usar blusas de mangas compridas.
  • Na cena em que Ray Walston joga uma lata de espinafre para Robin Williams, ele o fez com muita força e acaba machucando a cabeça de Williams. As filmagens ficaram interrompidas por algumas semanas.
  • Próximo ao final do filme, Popeye esmurra um polvo gigante que voa para longe. O efeito é pobre, justificado pelo término do dinheiro da produção.
  • No início do filme é mostrado uma abertura animada, dos antigos desenhos do Popeye, durante esta cena houve-se a típica risada do personagem ("A-gah-gah-gah-gah-gah-gah!!!") e em seguida o mesmo aparece na janela do seu navio, e diz: "Hey! What is this, one of Bluto's tricks?! I'm in the wrong movie!" ("Ei, mas o que é isso? Algum truque do Brutus? Eu estou no filme errado?!").
  • Os papeis de Popeye e Olivia Palito foram pensados inicialmente para Dustin Hoffman e Gilda Radner. Hoffman não aceitou o roteirista, Jules Feiffer. E Radner não conseguiu o papel porque Robert Altman preferiu Shelley Duvall. Lily Tomlin também foi sondada. Wesley Ivan Hurt, a criança que interpreta Gugu, é neto de Robert Altman.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]