Portal:Região Norte do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Conteúdo · Temas gerais · Resumo do conhecimento · Portais · Categorias · Anexos por tema · Glossários · Índice A-Z

 ver·editar Portal da Região Norte do Brasil
Coat of arms of Brazil.svg
Flag of Brazil.svg

A região Norte é uma das cinco regiões brasileiras, sendo a mais extensa delas, com uma área de 3.869.635. Formada por sete estados. A região Norte está localizada na região geoeconômica da Amazônia entre o Maciço das Guianas (ao norte), o planalto Central (ao sul), a Cordilheira dos Andes (a oeste) e o oceano Atlântico (a nordeste). Na região predomina o clima equatorial com exceção do norte do Pará, do sul do Amazonas e de Rondônia onde o clima é tropical.

É formada pelos estados do: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins.
 ver·editar Portais
Bandeira do Acre.svg
Acre
Bandeira do Amapá.svg
Amapá
Bandeira do Amazonas.svg
Amazonas
Bandeira do Pará.svg
Pará
Bandeira de Rondônia.svg
Rondônia
Bandeira de Roraima.svg
Roraima
Bandeira do Tocantins.svg
Tocantins
 ver·editar Artigo em Destaque
Bandeira de Manaus
Manaus (AFI[mɐ̃ˈnaʊ̯s]) é um município brasileiro, capital do estado do Amazonas e o principal centro financeiro, corporativo e econômico da Região Norte do Brasil. É uma cidade histórica e portuária, localizada no centro da maior floresta tropical do mundo. Situa-se na confluência dos rios Negro e Solimões. É a cidade mais populosa da Amazônia, de acordo com o IBGE, sendo uma das cidades brasileiras mais conhecidas mundialmente, principalmente pelo seu potencial turístico e pelo ecoturismo, sendo o décimo maior destino de turistas no Brasil. Manaus pertence à mesorregião do Centro Amazonense e à microrregião homônima. Destaca-se pelo seu patrimônio arquitetônico e cultural, com numerosos templos, palácios, museus, teatros, bibliotecas e universidades. É localizada no extremo norte do país, a 3.490 quilômetros da capital federal, Brasília.

Fundada em 1669 com o forte de São José do Rio Negro. Foi elevada a vila em 1832 com o nome de Manaus, que significa "Mãe dos deuses", em homenagem à nação indígena dos manaos, sendo legalmente transformada em cidade no dia 24 de outubro de 1848 com o nome de Cidade da Barra do Rio Negro. Somente em 4 de setembro de 1856 voltou a ter seu nome atual.

Ficou conhecida no começo do século XX, na época áurea da borracha. Nessa época foi batizada como "Coração da Amazônia" e "Cidade da Floresta". Atualmente seu principal motor econômico é o Polo Industrial de Manaus, em grande parte responsável pelo fato de a cidade deter o sexto maior Produto Interno Bruto (PIB) do país, atualmente.

 ver·editar Cultura

Com folclore próprio, as grandes atrações são o Festival Folclórico do Boi-Bumbá de Parintins, o Círio de Nazaré, em Belém, o Çairé (com Ç mesmo), em Santarém e as danças típicas, Marujada, Carimbó e Cirandas.

Na região, também estão localizados dois dos principais teatros do Brasil, o Teatro Amazonas, em Manaus e o Teatro da Paz, em Belém.

 ver·editar Nortistas
Fernanda Takai.jpg
Fernanda Barbosa Takai (Serra do Navio, 25 de agosto de 1971) é uma musicista brasileira, vocalista da banda pop Pato Fu.

Fernanda vive desde os 9 anos em Belo Horizonte, onde iniciou sua carreira musical. Participou da banda “Data Vênia”, de 1988 a 1992, que não chegou a lançar disco, e da banda "Fernanda e 3 do Povo". Entrou em 1991 para a banda “Sustados por 1 Gesto”, que mais tarde viria a ser o embrião do Pato Fu.

 ver·editar História
Amazonia-moradia.jpg
O Ciclo da borracha constituiu uma parte importante da história econômica e social do Brasil, estando relacionado com a extração e comercialização da borracha. Este ciclo teve o seu centro na região amazônica, proporcionando grande expansão da colonização, atraindo riqueza e causando transformações culturais e sociais, além de dar grande impulso às cidades de Manaus, Porto Velho e Belém, até hoje maiores centros e capitais de seus Estados, Amazonas, Rondônia e Pará, respectivamente. No mesmo período foi criado o Território Federal do Acre, atual Estado do Acre, cuja área foi adquirida da Bolívia por meio de uma compra por 2 milhões de libras esterlinas em 1903. O ciclo da borracha viveu seu auge entre 1879 a 1912, tendo depois experimentado uma sobrevida entre 1942 a 1945 durante a II Guerra Mundial (1939-1945).
 ver·editar Esporte
Estádio Olímpico do Pará - 2.jpg

Estádio Olímpico do Pará (antigo estádio Mangueirão) está totalmente concluído e reformulado, sendo rebatizado como Estádio Olímpico do Pará . Conta com pista olímpica oficial para competições de atletismo e com modernos vestuários equipados com aparelhos de alta tecnologia presentes nos melhores estádios europeus. Possui capacidade para mais de 46.200 espectadores devidamente sentados e um amplo estacionamento com 5.076 vagas para os mesmos.

 ver·editar Imagem em Destaque
Fortaleza de São José de Macapá-AP.jpg
  • Fortaleza de São José de Macapá - Macapá.
 ver·editar Vegetação
Floresta Amazônica
Na Região Norte está localizado um importante ecossistema para o planeta: a Amazônia. Além da Amazônia, a região apresenta uma pequena faixa de mangue (no litoral) e alguns pontos de cerrado, e também alguns pontos de matas galerias.

Aprender as características físicas de uma região depende, em grande parte, da capacidade de dedução e observação: na Região Norte, a latitude e o relevo explicam a temperatura; a temperatura e os ventos explicam a umidade e o volume dos rios; e o clima e a umidade, somados, são responsáveis pela existência da mais extensa, variada e densa floresta do planeta, ou seja, a Floresta Amazônica ou Hiléia.

 ver·editar Transporte
Acre rio Branco (137).jpg

A malha rodoviária na região não é muito extensa. Boa parte das rodovias existentes na região foram construídas nos anos 60 e 70, com o intuito de integrar essa região às outras regiões do país. Como exemplo, tem-se a rodovia transamazônica e a rodovia Belém-Brasília.

Em relação à malha ferroviária, duas ferrovias possuem destaque: A estrada de ferro Carajás, que vai de Marabá, estado do Pará, a São Luís, capital do estado do Maranhão (região Nordeste), que escoa os minerais extraídos na serra dos Carajás até os portos de Itaqui e Ponta da Madeira; e a Estrada de Ferro do Amapá, que transporta o manganês e o níquel, extraídos na serra do Navio até o porto de Santana, em Macapá, capital do estado do Amapá. Uma outra estrada de ferro importante para a região foi a ferrovia madeira-Mamoré, localizada no estado de Rondônia e que foi construída no início do século XX, com o intuito de escoar a borracha produzida nessa região e na Bolívia para o oceano Atlântico, através dos rios Madeira e Amazonas, até os portos de Manaus e Belém. Atualmente essa rodovia encontra-se desativada.

 ver·editar Curiosidades
Centro cívico de Boa Vista.jpg

Você sabia que...

  • ... se a região Norte com seus 3.869.637,9 km² de área fosse um país seria o sétimo maior país do mundo?
  • ... a região Norte abriga a maior rede hidrográfica do mundo, a Bacia Amazônica?
  • ... a Floresta Amazônica possui uma das mais ricas biodiversidades do mundo?
  • ... as duas maiores festas populares do Norte são o Círio de Nazaré e o Festival de Parintins?
  • ... a Serra dos Carajás figura como uma das maiores jazidas do mundo?
  • ... a região Norte é onde se encontra um terço das espécies vivas do planeta?
  • ... a Ilha do Bananal é a maior ilha fluvial do mundo?
  • ... Belém é uma das cidades com maior precipitações pluviais do mundo?
  • ... a região Norte é a menos habitada do brasil?
 ver·editar Típico do Norte
Castanha-do-pará
Castanha-do-pará, ou castanha-do-brasil é a semente da castanheira-do-pará (Bertholletia excelsa) uma árvore da família botânica Lecythidaceae, nativa emergente da Floresta Amazônica. É um fruto com alto teor calórico e protéico, além disso contém o elemento selênio que combate os radicais livres e muitos estudos o recomendam para a prevenção do câncer (cancro).

É a única espécie do gênero Bertholletia. Nativa das Guianas, Venezuela, Brasil (Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Mato Grosso, Pará e Rondônia), leste da Colômbia, leste do Peru e leste da Bolívia, ela ocorre em árvores espalhadas pelas grandes florestas às margens do Rio Amazonas, Rio Negro,Rio Orinoco, Rio Araguaia e Rio Tocantins. O gênero foi batizado em homenagem ao químico francês Claude Louis Berthollet.

 ver·editar Categorias

Para ver todas as subcategorias, clique em [+]

 ver·editar Predefinições
{{Portal-Norte-BR}}
{{Região Norte do Brasil}}
 ver·editar Projetos

   Principal   

Mapa da Região Norte do Brasil
Região Norte do Brasil
Economia • História • Municípios • Turismo
Portal • Imagens