Potencial pós-sináptico inibitório

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Em neurociência, um potencial pós-sinaptico inibitório é uma diminuição temporária do potencial de membrana pós-sináptico causado por um fluxo de ions negativos para dentro ou positivos para fora da célula pós-sináptica. É o oposto do potencial pós-sináptico excitatório, causado por um influxo de íons positivos para dentro da célula.

Pode-se observar um potencial pós-sináptico inibitório quando o neurotransmissor GABA(a) se liga ao seu receptor (ionotrópico) e permite o influxo de Cl- na membrana pós-sináptica, hiperpolarizando-a.[1]

Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Cem bilhões de neuronios? - Roberto Lent