Prémio Nebula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Prémio Nebula (Nebula Award, em inglês), é um galardão concedido anualmente pelo Science Fiction and Fantasy Writers of America (SFWA), para os melhores trabalhos de ficção científica/fantasia publicados nos Estados Unidos durante os dois anos precedentes.

Não há premiação em dinheiro, sendo o prémio em si um bloco transparente com uma nebulosa espiral embutida nele. Todavia, as editoras raramente deixam de citar que uma obra ganhou o prémio, e, como uma marca de distinção conferida por outros autores de FC, parece razoável supor que o Nebula incrementa as vendas.

Categorias de premiação[editar | editar código-fonte]

O Nebula concede prémios em cinco categorias diferentes: romance, novela, noveleta, conto e guião (roteiro).

As categorias são definidas por sua extensão em palavras, da forma como se segue:

  • Romance: uma obra com 40.000 palavras ou maior;
  • Novela: uma obra com pelo menos 17.500 palavras, mas abaixo de 40.000 palavras;
  • Noveleta: uma obra com pelo menos 7.500 palavras, mas abaixo de 17.500 palavras;
  • Conto: uma obra abaixo de 7.500 palavras;
  • Guião: um roteiro para cinema, TV, rádio ou peça teatral.

Adicionalmente, desde 1999 tem sido concedido anualmente um Nebula para o melhor guião dramático, mas os membros do SFWA se dividem quanto a sua conveniência, e esta categoria pode deixar de existir nos próximos anos.

História[editar | editar código-fonte]

Os primeiros Nebulas foram concedidos em 1965. Duna, de Frank Herbert, foi o vencedor na categoria novela.

Entre outros notáveis ganhadores, incluem-se:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]