Próton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde junho de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
O protão/próton é composto de dois quarks u e um quark d.

Um "protão" (português europeu) ou "próton" (português brasileiro) é uma partícula "sub-atômica" que faz parte do núcleo de todos os elementos. Convencionou-se que o próton tem carga eléctrica positiva.

É uma das partículas, que junto com o nêutron, formam os núcleos atómicos.

História[editar | editar código-fonte]

Em 1886, o físico alemão Eugen Goldstein criou um tubo e observou que, quando ocorriam descargas elétricas através do tubo contendo um gás rarefeito, surgiam raios que apresentavam massa e cargas elétricas positivas. Esses raios foram denominados de raios canais. Posteriormente, o inglês Ernest Rutherford verificou que os raios canais originários do hidrogénio possuíam a menor carga positiva conhecida até então. A essa unidade eletricamente carregada positivamente deu-se o nome de próton.

Características físicas[editar | editar código-fonte]

  • A massa real de um próton é de, aproximadamente, 1,673 · 10−27 kg ou 1.007276 u. Entretanto, atribui-se-lhe uma massa relativa de valor 1.
  • A carga elétrica real do próton é de, aproximadamente, 1,6 · 10−19 coulombs. Porém, do mesmo modo que à massa, atribuiu-se uma carga relativa de +1.
  • O próton é formado por dois quarks up e um down, sendo escrito como: uud.

Comparativamente:

  • O nêutron tem carga elétrica nula e é ligeiramente mais pesado que o próton.
  • O elétron apresenta a mesma carga que o próton, porém de sinal contrário. Entretanto, é 1836 vezes mais leve (1/1836).

Na química e bioquímica[editar | editar código-fonte]

Na química e bioquímica , a palavra próton é frequentemente usada como um sinônimo para o íon molecular de hidrogênio (H+) em vários contextos:

  1. A transferência do H+ em uma reação ácido-base é descrita como a transferência de um próton. Um ácido é tido como um doador de próton e uma base como um receptor de próton.
  2. O íon de hidrogênio (H3O+) em uma solução aquosa corresponde ao íon de hidreto de hidrogênio. Frequentemente a molécula da água é ignorada e o íon é escrito simplesmente como H+(aq) ou finalmente H+, e tratado como um próton.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete Protão.
Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete Próton.
Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.