Praça Província de Shiga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Praça Província de Shiga
Vista geral da praça.
Localização Porto Alegre, Brasil Brasil
Tipo Pública
Tamanho 3.860 m²
Inauguração 1983
Administrado por Prefeitura Municipal de Porto Alegre

A Praça Província de Shiga, também chamada de Praça Shiga, é uma praça da cidade de Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul.

Localização[editar | editar código-fonte]

Com formato triangular, a Praça Província de Shiga é delimitada pelas avenidas Cristóvão Colombo e Plínio Brasil Milano e pela Rua Marechal José Inácio da Silva, estando situada no bairro Passo d'Areia, dentro dos limites desse com os bairros Higienópolis e Boa Vista. Perto da praça está localizada também a comunidade da Vila dos Industriários.

História[editar | editar código-fonte]

A placa comemorativa.
Um trecho da praça.

Inaugurada em outubro de 1983, a Praça Shiga foi financiada pelo governo do Japão, para celebrar o convênio de fraternidade assinado entre o Rio Grande do Sul e Shiga, dois estados-irmãos1 . Na placa em granito negro incrustada em uma rocha na entrada da praça, lê-se em português e em japonês:

"Praça Shiga
Esta praça foi oferecida ao povo gaúcho pela Província de Shiga-Japão, estado-irmão do Rio Grande do Sul em comemoração ao convênio de fraternidade assinado entre os dois estados.
Outubro de 1983.
"

Abaixo dos ambos os textos, há a assinatura dos chefes de governo dos dois estados daquela época, Jair Soares e Masayoshi Takemura.

No dia 10 de novembro de 2010, realizou-se na praça uma recepção artística para a visita de uma missão governamental da província de Shiga, com a presença do então vice-governador Koichiro Yoneda, e de cidadãos japoneses. Na ocasião, o grupo musical gaúcho Oodo Daiko fez uma apresentação com taikos (太鼓?), os típicos tambores japoneses, com dança e vestimentas japonesas. O local também foi enfeitado com as bandeiras koinobori (鯉幟?).

Paisagismo[editar | editar código-fonte]

A praça foi projetada pelo arquiteto e paisagista japonês Kunie Ito2 , seguindo o tradicional estilo dos jardins japoneses. Possui um lago, uma cascata, uma ponte de pedra, um quiosque, uma fonte e esculturas. Toda a praça é murada por uma cerca de arame, atrás da qual há arbustos e árvores cobrindo seu interior. Na parte mais alta, há um monumento a Buda.

Dentre as espécies de plantas utilizadas estão buxos, azaléias, camélias, bambus, ameixeiras, pinheiros, extremosas, cerejeiras e bordos. A praça contém ainda cercas de bambu ao longo de todos os seus pavimentos de pedras, para evitar que as pessoas pisem nos jardins, pois servem para a contemplação.

Visitação[editar | editar código-fonte]

A Praça Shiga é aberta de terça-feira a domingo, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Não é permitida a entrada de cães no local.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Praça Província de Shiga