Pralaya

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Pralaya, segundo a Teosofia, é o periodo de tempo do ciclo de existência dos planetas em que não ocorre atividade. Ele dura, segundo o computo dos Brâmanes, 4.320.000.000 de anos. O período de atividade, chamado Manvantara, tem a mesma duração.

Tomando 360 Manvantaras e igual número de Pralayas, obtem-se um "Ano de Brahman". A duração de 100 "Anos de Brahman" forma uma "Vida de Brahman", também chamado de Mahamanvantara, durando no total 311.040.000.000.000 de anos. Este é, segundo Blavatsky, o período de atividade do cosmo, seguindo-se um período de inatividade, chamado Mahapralaya, de igual duração.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]