Prefeitura pretoriana do Oriente

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Praefectura praetorio Orientis
Ἐπαρχότης τῶν πραιτωρίων τῆς ἀνατολῆς
Prefeitura pretoriana do Oriente
Pref. pretoriana do(a) Império Romano do Oriente
337–séc. VII
Location of Prefeitura do Oriente
Prefeituras pretorianas do Império Romano em 395 d.C.
Capital: Constantinopla
Governador: vigário
Período : Antiguidade Tardia
 -  Reforma administrativa após a morte de Constantino, o Grande 337
 -  Reorganização e criação do sistema dos temas Séc. VII

A Prefeitura pretoriana do Oriente foi uma das quatro prefeituras pretorianas nas quais estava dividido o Império Romano na Antiguidade Tardia. Como ela abrangia a maior parte do Império Romano do Oriente e sua capital era Constantinopla, o prefeito pretoriano do oriente era a segunda pessoa mais poderosa no oriente, depois apenas do imperador, a quem ele servia como uma espécie de primeiro ministro.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A prefeitura foi criada depois da morte de Constantino I em 337, quando império foi subdividido entre seus filhos. Constâncio II recebeu a porção oriental tendo o prefeito pretoriano como seu principal assessor. O quinhão de Constâncio abrangia quatro (e, depois, cinco) diocese, cada uma, por sua vez, subdividida em diversas províncias. A autoridade da prefeitura ia da porção oriental dos Balcãs, que formava a Diocese da Trácia, até a Ásia Menor, que se dividia nas dioceses da Ásia e do Ponto. Havia ainda, no Oriente Médio, a Diocese do Oriente e a do Egito.

Lista dos prefeitos pretorianos do Oriente conhecidos[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Alan Cameron afirma que o primeiro mandato de Aureliano teria durado até abril de 400
  2. As datas de Cameron para Aureliano se sobrepõem às de Eutiquiano em 400

Bibliografia[editar | editar código-fonte]