Prefixos de negação

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Prefixos de negação (ou de ausência) são prefixos gramaticais que em geral negam o sentido original de uma palavra. Em alguns casos, o prefixo de negação opõe-se ao significado original da palavra (neste caso, funciona como um prefixo de oposição).

Algumas palavras não existem sem o prefixo de negação. É o caso de intocável.

  • Alguns prefixos de negação: in, im, i, des, dis, á, an.

Nota: nem sempre os prefixos supramencionados denotam negação, ausência ou oposição.

Exemplos[editar | editar código-fonte]

  • Átomo (ausência de divisão)
  • Anestesia (ausência de dor)
  • Desorientar
  • Discordar
  • Indiferente
  • Inimaginável
  • Incolor
  • Imbatibilidade
  • Imperdoável
  • Imprudente
  • Imobilizado
  • Inegável

Ver também[editar | editar código-fonte]