Prega palmar transversal única

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Prega palmar transversal única

Em humanos, a prega palmar transversal única é uma prega única que se estende ao longo da palma da mão, formada pela fusão das três pregas palmares que as pessoas tipicamente possuem, desenvolve-se enquanto o bebê está crescendo no útero, normalmente na 12ª semana de gestação. Essa prega única é uma característica presente em pessoas com Síndrome de Down, mas não é exclusividade, ou seja, pessoas sem Síndrome de Down também podem apresentar tais pregas nas mãos.


Com frequência, é descoberta uma única prega palmar. Entretanto, isso pode estar relacionado a:

  • Síndrome de Down (Trissomia 21)
  • Síndrome de Aarskog
  • Síndrome de Cohen
  • Síndrome Alcoólica Fetal
  • Trissomia 13 (Síndrome de Patau)
  • Síndrome da rubéola
  • Síndrome de Turner (45, XO)
  • Síndrome de Klinefelter (47, XXY)
  • Pseudo-hipoparatireoidismo
  • Disgenesia gonadal
  • Síndrome do grito do gato