Diocese de Macapá

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Prelazia de Macapá)
Ir para: navegação, pesquisa


Diocese de Macapá
Diœcesis Macapensis
Localização
País Brasil
Arquidiocese Metropolitana Arquidiocese de Belém do Pará
Estatísticas
Área 148.000 km²
Informação
Rito romano
Criação da Diocese 11 de fevereiro de 1949
Padroeiro São José
Governo da Diocese
Bispo Pedro José Conti
Jurisdição diocese
Contactos
Endereço Rua São José, 1790 – Macapá – AP – Brasil
Página Oficial www.diocesedemacapa.com.br
E-mail diocese.macapa@conectus.com.br

A Diocese de Macapá (Dioecesis Macapensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica no Brasil, pertencente à Província Eclesiástica de Belém do Pará e ao Conselho Episcopal Regional Norte II da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil, sendo sufragânea da Arquidiocese de Belém do Pará. A episcopal está na Catedral de São José, na cidade de Macapá, sendo a única diocese católica do estado do Amapá.

Histórico[editar | editar código-fonte]

A primeira circunscrição religiosa católica de Macapá foi a Paróquia de São José de Macapá, ereta no dia 29 de dezembro de 1752, pelo bispo do Pará Dom Frei Miguel de Bulhões. Esta paróquia é coetânea à vila de São José de Macapá, núcleo fundacional da cidade de Macapá. Estas fundações datam do no período pombalino, sendo rei de Portugal José I

No dia 8 de dezembro de 1912 os Missionários da Sagrada Família começam a trabalhar em Macapá, Mazagão e Amapá.

No dia 20 de junho de 1913 ocorre a fundação da Pia União das Filhas de Maria, em Macapá.

No dia 24 de junho de 1948 os padres do Pontifício Instituto de Milão chegam a Macapá.

A Prelazia de Macapá (Territorialis Praelatura Macapensis) foi ereta canonicamente pelo Papa Pio XII, por meio da bula Unius Apostolicae Sedis , de 1º de fevereiro de 1949, a partir de território desmembrado da então Prelazia de Santarém. Foi confiada pela Santa Sé aos cuidados do Pontifício Instituto das Missões (PIME). No dia 23 de março do mesmo ano a prelazia é instalada por Dom Frei Anselmo Pietrulla, OFM, bispo prelado de Santarém.

No dia 14 de fevereiro de 1950 o Padre Aristides Pirovano, do PIME, é nomeado administrador apostólico de Macapá, função na qual permanecerá até 1955 quando de sua nomeação para o episcopado.

A prelazia foi elevada à dignidade de diocese no dia 30 de outubro de 1980, pela bula Conferentia Episcopalis Brasiliensis do Papa João Paulo II.

Demografia e paróquias[editar | editar código-fonte]

Em 2004, a diocese contava com uma população aproximada de 339.000 habitantes, com 82,3 % de católicos.

O território da diocese é de 148.000 km.2, organizado em 28 paróquias.

A diocese abrange todo o estado do Amapá.

Bispos[editar | editar código-fonte]

Nome Período Notas
Bispos diocesanos
Dom Pedro José Conti 2004- Atual.
Dom João Risatti, PIME 1993-2003 Faleceu.
Dom Luiz Soares Vieira 1984-1991 Nomeado arcebispo de Manaus
Dom José Maritano, PIME 1981-1983 Renunciou.
Bispos prelados
Dom José Maritano, PIME 1966-1981 Renunciou.
Dom Aristides Pirovano, PIME 1955-1965 Renunciou por ter sido eleito superior geral do PIME


Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • GARDEL, Luis D. Les Armoiries Ecclésiastiques du Brésil (1551-1962). Rio de Janeiro, 1963.
  • GUIA histórico e catálogo da Arquidiocese de Belém. Belém, 1982. 45 p.
  • RAMOS, Alberto Gaudêncio. Cronologia eclesiástica do Pará. Belém: Falângola, 1985. 305 p.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Small Mitre.svg Circunscrições eclesiásticas católicas do Brasil — Regional Norte II
(Pará e Amapá)
Bandeira do Pará Bandeira do Amapá

Província Eclesiástica de Belém do Pará
Abaetetuba | Bragança do Pará | Castanhal | Conceição do Araguaia | Macapá | Marabá | Óbidos | Ponta de Pedras | Santarém
Cametá | Itaituba | Marajó | Xingu