Primeira Batalha de Isonzo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Primeira Batalha de Isonzo
Primeira Guerra Mundial
Data 23 de junho a 7 de julho de 1915
Local Rio Isonzo, Italia
Desfecho Vitória italiana
Combatentes
Itália Reino da Itália *  Austria-Hungary
Comandantes
Luigi Cadorna,
Emanuele Filiberto
Svetozar Boroević
Géza L. von Somorja
Novak von Arienti
Forças
225 000 (18 divisões, 252 batalhões, 111 cavalarias, 700 armas) 115 000 (8 divisões, 84 batalhões, 13 esquadrões de cavalaria, 356 armas)
Baixas
14 947 9950

A Primeira Batalha de Isonzo, foi travada entre a Itália e a Austria-Hungria na Campanha Italiana durante a Primeira Guerra Mundial, de 23 de junho a 7 de julho de 1915.

O objetivo das forças italianas era o de conduzir os austríacos para o mais longe possível de suas posições defensivas em Soca (Isonzo).

Embora os italianos se aproveitassem de uma superioridade numérica de 2 para 1, sua ofensiva falhou pois as linhas do general Luigi Cadorna empregaram ataques frontais, com impressionantes (porém curtas) barragens de artilharia. Os austríacos tinham a vantagem de lutar em posições elevadas, bloqueadas com arame farpado, que foram capazes de resistir facilmente aos ataques inimigos.

As lutas mais pesadas ocorreram em Gorizia, onde tropas italianas conseguiram avançar, mas foram rapidamente forçados a recuar.

No começo de julho, o comandante austríaco, Svetozar Boroević, recebeu duas divisões de reforços que puseram fim aos esforços italianos de quebrarem as linhas austríacas.

No final os italianos conseguiram ganhos minimos: no noroeste eles conquistaram Bovec (Mounte Kanin).


Referências[editar | editar código-fonte]

1. ↑ First Battle of Isonzo. Military History Wiki . Org. Arquivado do original em Setembro de 2008. Página visitada em de setembro de 2008.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.