Princípio da exclusão competitiva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mergefrom 2.svg
O artigo ou secção Princípio de Lose deverá ser fundido aqui.
Editor, considere adicionar mês e ano na marcação. Isso pode ser feito automaticamente, com {{Fusão de|....|{{subst:DATA}}}}.

(por favor crie o espaço de discussão sobre essa fusão e justifique o motivo aqui; não é necessário criar o espaço em ambas as páginas, crie-o somente uma vez. Perceba que para casos antigos é provável que já haja uma discussão acontecendo na página de discussão de um dos artigos. Cheque ambas (1, 2) e não esqueça de levar toda a discussão quando levar o caso para a central.).

Em sinecologia, o princípio da exclusão competitiva,[1] por vezes chamado Lei de Darwin

,[2] é uma proposição que afirma que duas espécies competindo pelos mesmos recursos não podem coexistir de modo estável se todos os outros factores ecológgicos forem constantes. Um dos dois competidores sobrepor-se-á sempre ao outro, conduzindo ou à extinção deste ou a um desvio evolutivo ou comportamental em direção a um nicho ecológico diferente.

Ícone de esboço Este artigo sobre ecologia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


Referências

  1. Hardin, G. (1960). The Competitive Exclusion Principle. Science 131, 1292-1297.
  2. Gause, G.F. (1934). The struggle for existence. Baltimore, MD: Williams & Wilkins.