Princesa Cinderela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cinderela
Nome original Cinderella
Sexo feminino
Família Pai (falecido)
Mãe (falecida)
Senhora Tremaine (madrasta)
Príncipe (marido)
Drizella Tremaine (meia-irmã)
Anastasia Tremaine (meia-irmã)
Rei (sogro)
Rainha (sogra, falecida)
Amigo(s) Ratos e pássaros
Criado por Charles Perrault
Marc Davis
Eric Larson
Primeira aparição Cinderela (1928)
Projecto Banda desenhada  · Portal Disney

Cinderela (é escrito "Cinderella" nos Estados Unidos) é a personagem principal do filme da Disney de 1950, de mesmo nome e suas duas continuações. Ela foi dublada pela falecida Ilene Woods, no filme original e por Jennifer Hale nas sequelas. Ela é a segunda das princesas da Disney.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

A versão da Disney de Cinderela foi baseada no protagonista da versão francesa do conto de Charles Perrault, Cinderela, escrito em 1634 em Histoires ou Contes du Temps Passé. [1]

O personagem foi animado por Marc Davis e Eric Larson, [2] mas os dois animadores não tinham a mesma percepção do personagem, acentuando a elegância de Davis e Larson optando pela simplicidade. [3] Como fez com outros filmes da Disney, Walt Disney contratou a atriz Helene Stanley para executar a referência live-action de Cinderela, que ela começou a desenhar antes dos artistas, fazendo o papel de Cinderela em uma cena em particular, [4] com artistas para desenhar quadros de animação baseados nos movimentos da atriz. [5] Mais tarde, ela fez o mesmo tipo de trabalho para os personagens da princesa Aurora em A Bela Adormecida e Anita Radcliff em 101 Dálmatas. [5]

Segundo Christopher Finch, autor de The Art of Walt Disney:

Cquote1.svg Disney insistiu que todas as cenas envolvendo personagens humanos devem ser feitas primeiro em live-action para determinar que esse trabalho se torne algo padrão. Os animadores não gostam desta forma de trabalho, sentindo que prejudica a sua capacidade de criar personagens. No entanto eles entenderam a necessidade dessa abordagem em retrospecto, e reconheceram que a Disney tinha tratado as coisas com considerável sutileza. [1] Cquote2.svg

Voz[editar | editar código-fonte]

Cerca de 400 meninas competiram para o teste para o papel de Cinderela. [6] Mas de todos elas, Walt Disney escolheu Ilene Woods, que na época trabalhava na rádio e não sabia nada sobre a audição para o papel de Cinderela. [7] Mas um dia, seus colegas Mack David e Jerry Livingston pediram a ela para cantar uma música da Cinderela, e ela gostou. [8] Então, sem dizer uma palavra para ela, os amigos de Ilene transferiram a menina para o escritório do filme da Disney. [7] Depois de ouvir o material, Walt Disney decidiu imediatamente que havia encontrado a voz para falar e cantar de seu principal personagem, e Ilene foi contratada. [8] No Brasil, a atriz Simone de Morais foi a escolhida para a dublagem do filme clássico, e desempenhou tanto os diálogos quanto as canções. No entanto, ela não desempenhou mais nenhum papel depois disso. Atualmente, as irmãs Fernanda Fernandes e Flavia Saddy são as vozes da personagem no país. Fernanda desempenhou a personagem nas sequelas, enquanto Flavia fez o papel em produtos.

Personalidade e aparência[editar | editar código-fonte]

Depois que seus país faleceram, ela tem sido pouco cuidada pela Sra. Tremaine (a madrastra). Ela trabalhava na cozinha, seus únicos amigos eram Major (cavalo), Bruno (o cachorro), Jaq e Tata (os ratos), sua fada madrinha, e mais alguns ratos que ajudaram ela a ir ao baile. No final do primeiro filme, ela se casa com o Príncipe Encantado.

Cinderela é uma garota forte e independente de 19 anos, que é verdadeiramente bela porque ela não deixa sua raiva e tristeza tirar o melhor da vida. Ela não é ingênua ou infantil. Ela é extremamente madura e mostra que pode superar seus obstáculos sem a ajuda de magia. Ela também mostrou ter um lado sarcástico, como pode ser visto em seus comentários sobre sua família adotiva e Lúcifer, mas geralmente mantem esses comentários para si mesma. Cinderela tem mostrado ser bastante inteligente e / ou inteligente, especialmente pensando em como ela era maltrada após a ausência de seus pais. Cinderela é muito sonhadora.

Cinderela é uma bela jovem. Ela é alta, magra, com um rosto suave. Ela tem pele clara, lábios rosados ​​e cintilantes olhos azuis. Seu cabelo é laranja queimado. No início do filme, Cinderela veste uma camisola azul até o chão. Ela muda suas roupas para as vestes de serviçal, que consiste de um corpete marrom escuro com um avental azul claro e uma saia que vai até os joelhos. Ela também se veste com sapatos pretos e um lenço na cabeça, as vezes substituído por uma fita. Cinderela depois usa o vestido da mãe que seus amigos, os ratos e pássaros, alteram para ela: é rosa com renda branca sustentada por faixas rosa claro e arcos, uma fita rosa claro amarrada em um laço no corpete e mangas curtas. Seus acessórios são sapatos cor de rosa, um colar de pérola, turquesa e uma fita de cabelo branco. As irmãs rasgam o vestido de lado quando eles acusam Cinderela de "roubar" a sua faixa e miçangas.

Cinderela corre para o jardim e chora. Sua Fada Madrinha restaura a esperança dela. Ela transforma o vestido rasgado de Cinderela em um vestido de baile azul claro com um mangas brilhantes. Ela também usa uma tiara brilhante, brincos de diamante, luvas de ópera, uma gargantilha preta, e, claro, seus sapatos de vidro famosos.

Aparições[editar | editar código-fonte]

Cinderela [9] [editar | editar código-fonte]

Cinderela dança com o Príncipe Encantado no baile.

No filme original, Cinderela é mostrada como uma jovem maltratada que sonha em fugir do estilo de vida tortuoso que ela tem de suportar como empregada doméstica para sua madrasta e suas dois meia-irmãs. Ela é notável por ser silenciada repetidamente pela Sra. Tremaine, criando o pressuposto de que o trabalho da Cinderela como copeira obriga a fazer as tarefas, sem falar. Um dia, quando a família é convidada para um baile real no castelo, Cinderela diz que terminou seus deveres e pode ir ao baile. Os ratos ajudam a Cinderela, fazendo-lhe um vestido, mas usaram vestidos velhos de Anastasia e Drizella (meia-irmãs de Cinderela). Quando elas vêem a Cinderela com o vestido, as meninas rasgam ele. Depois que saem para a carruagem sem Cinderella, ela é visitada pela mágica Fada Madrinha. Ela dá um vestido para Cinderela e sapatos de cristal. Ela também transforma os ratos em cavalos e Bruno em um cocheiro. Ela vai para o baile e acaba se apaixonando pelo Príncipe Encantado, a tal ponto que ela perde a noção do tempo e ela corre de volta para casa, deixando um dos dois chinelos de cristal mágicos. O príncipe ordena que o Grão Duque encontre a dona do sapato, fazendo todas as meninas do reino provarem ele.

Antes de o Duque chegue a casa da Sra. Tremaine no dia seguinte, a madrasta malvada da Cinderela prende ela em um quarto. Jaq e Tata recuperam a chave, mas tem de lutar contra Lúcifer. As aves alertam Bruno e ele assusta Lúcifer, que salta para fora da janela. Cinderela é livre e cabe no sapato. Cinderela e o Príncipe Encantado se casam e vivem felizes para sempre.

Cinderela 2: Os Sonhos Tornam-se Realidade[editar | editar código-fonte]

Jaq e Tata partiram para fazer um novo livro para narrar o que acontece após o final da história anterior, fazendo três histórias. Na primeira história, Cinderela e o Príncipe Encantado regressam a casa e logo começa uma festa. Na segunda, ela trabalha no planejamento para a construção de um festival. O rato chamado Jaq no filme anterior se transformou em um ser humano chamado "Sir Hugh". Na terceira história, ela ajuda a sua meia-irmã Anastasia a se reconciliar com o padeiro. No final do filme, ela lê o livro dos ratos.

Cinderela 3: Uma Volta no Tempo[editar | editar código-fonte]

Cinderela e o Príncipe Encantado estão celebrando seu aniversário de casamento. A Sra. Tremaine, no entanto, recebe a varinha da Fada Madrinha e usa seus poderes ilícitos para reverter o tempo e impedir que Cinderella não concretize os acontecimentos em torno do primeiro filme. Desta vez, porém, a história é alterada quando surgem novas situações: o cristal é modificado para caber no pé de Anastasia, e ela está prometida para o Príncipe Encantado. Cinderela, junto com seus amigos ratos, prepara-se para arrumar tudo. Cinderela logo convence o príncipe, que ela é a garota verdadeira mais o casamento entre Anastasia esta marcado para aquela noite. Antes do casamento ocorrer, a Sra. Tremiane transforma Anastasia em um clone da Cinderela e envia a Cinderela real para ser morta por Lúcifer. Cinderella prevalece e corre de volta para o castelo. Ela interrompe o casamento, derrotando sua madrasta e se casa com o príncipe. Anastasia se junta a Cinderela em sua família real.

O Point do Mickey[editar | editar código-fonte]

Cinderela faz diversas aparições na série animada "O Point do Mickey". No episódio "House of Scrooge", ela empresta o vestido que os ratos fizeram para Mickeye depois que ele agradece a ela, ela responde com "Aquela coisa velha?". No episódio "The Stolen Cartoons" quando Donald foi deixado no comando, ela fugiu para longe do show deixando para trás seu sapatinho de cristal. Ela também aparece no Natal Mágico do Mickey, em que ela está junta com outro convidado. Em determinado momento, ela fala sobre como ela é grata pelos ratos que fazem roupas de noite agradável (esse segmento também foi usado no episódio da série "Day Turquia").

Kilala Princess[editar | editar código-fonte]

Na série de mangá Kilala Princess, Cinderela tem um papel importante na busca Kilala por sua realeza. Kilala entra no mundo da Cinderela depois de levar um tiro nas costas. Ao mesmo tempo ajuda Cinderela com suas tarefas, a empregada também ensina Kilala como comer, dançar e andar como uma princesa. Os amigos ratos de Cinderela ajudam ela secretamente a fazer um vestido para o baile real. Depois que suas irmãs rasdam ele, Kilala confronta elas e, acidentalmente, perde sua Tiara Mágica. A fada madrinha aparece mais tarde, e faz um vestido de princesa para Cinderela. Afetados pela magia da tiara, o poder da fada vai acabar mais cedo do que o esperado se a tiara ainda estiver nas mãos das irmãs Tremaine.

Com a magia da fada madrinha, Kilala consegue chegar ao palácio e roubar a tiara de volta antes de Anastasia usá-la para hipnotizar o príncipe. Cinderela e o príncipe se reunem e dançam romanticamente até meia-noite.

Princesinha Sofia: Era Uma Vez…[editar | editar código-fonte]

No filme, Cinderela é convocada por um amuleto mágico de Sofia, depois de a jovem princesa fazer um feitiço que fez com que todos no baile real dormissem. Cinderela explica que, quando Sofia está com problemas, o amuleto vai convocar uma das princesas de ajuda. Cinderela diz a Sofia que a melhor maneira de resolver o problema é fazer as pazes com sua meia-irmã Amber, que vai ajudar ela. Sofia é relutante em fazer isso pois Amber tratou ela grosseiramente desde que ela chegou no castelo. Cinderela diz a Sofia que Amber estava apenas com ciúmes porque Sofia ganhou mais atenção recentemente, e que mostrar a sua compaixão poderia ajudá-la a mudar seus pontos de vista. Depois, Cinderela vai embora.

Em outras mídias[editar | editar código-fonte]

Cinderela na Disneylândia. (fevereiro de 2012)

Cinderela aparece como uma das princesas da Disney do coração da série Kingdom Hearts, capturada por Malévola, que destruiu seu mundo. O personagem principal, Sora, resgata Cinderela, assim como as outras princesas, e ela retorna para casa. Ela só é mencionado na seqüência, Kingdom Hearts II. Sua história antes de ser capturada tem lugar proeminente com seu mundo de origem, Castelo dos Sonhos, em Kingdom Hearts Birth by Sleep. Na versão Final Mix do jogo, seu mundo é visto no Reino das Trevas no clímax, com Malévola destruindo e capturando ele.

Cinderela é um dos membros oficiais da franquia Disney Princesas, aparecendo em vários jogos de vídeo game relacionados a franquia, assim como álbuns e outras mercadorias.

O Castelo de Cinderela é uma atração no Walt Disney World e na Disneylândia de Tóquio. Ambos servem como ícones reconhecidos mundialmente por seus parques temáticos respectivos. Em 2013, a Cinderela e as outras princesas da Disney teram uma atração no Magic Kingdom, aonde elas vão cumprimentar as crianças. [10]

Uma versão live-action do personagem apareceu na primeira temporada da série de TV, Once Upon a Time. Ela foi interpretada pela atriz Jessy Schram. Seu homólogo em Storybrooke é Ashley Boyd. [11]

Referências

  1. a b Walt's Masterworks: Cinderella Disney Archives.
  2. Pierre Lambert. Walt Disney, l'âge d'or. [S.l.: s.n.]. 166 pp. ISBN 2950781888.
  3. Pierre Lambert. Walt Disney, l'âge d'or. [S.l.: s.n.]. 167 pp. ISBN 2950781888.
  4. John Grant. The Encyclopedia of Walt Disney's Animated Characters. [S.l.: s.n.]. 228 pp. ISBN 0060157771.
  5. a b Cinderella Character History Disney Archives. Cópia arquivada em 2010-03-31.
  6. Disney Legends — Ilene Woods
  7. a b (2005). From Rags to Riches: The Making of Cinderella (DVD). Cinderella Special Edition (Disc 2): Walt Disney Home Entertainment.
  8. a b Ilene Woods, the Voice of Cinderella, Passes Away at 81 Disneyorama.com. Visitado em 2010-07-02. Cópia arquivada em 2012-12-11.
  9. Cinderela e a Bela Adormecida
  10. Brigante, Ricky (April 28, 2012). Walt Disney World reveals New Fantasyland dates, closer look at Princess Fairy Tale Hall, Be Our Guest restaurant, and more Inside the Magic. Visitado em April 14, 2013.
  11. Goldberg, Lesley. (August 15, 2011). "'Once Upon a Time' Finds its Cinderella in 'Falling Skies' Actress". The Hollywood Reporter.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Princesa Cinderela
Ícone de esboço Este artigo sobre uma personagem de ficção é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.