Princesa Mikasa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Casa Imperial do Japão
Dinastia Yamato
Imperial Seal of Japan.svg


SAI o Príncipe Mikasa
SAI a Princesa Mikasa

A Princesa Mikasa (Mikasa-no-miya?), nascida em 4 de junho de 1923, é a esposa do Príncipe Mikasa, tio paterno do Imperador Akihito do Japão.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascida Yuriko Takagi, ela é a segunda filha do ex-visconde Masanari Takagi.

Ela graduou-se pela Academia das Mulheres de Gakushuin em 1941. Em 22 de outubro daquele mesmo ano, ela se casou com o Príncipe Mikasa (Takahito), o filho caçula do Imperador Taishō e da Imperatriz Teimei.

Filhos[editar | editar código-fonte]

O casal teve cinco filhos, dos quais quatro ainda estão vivos. As duas filhas deixaram a Casa Imperial com seus casamentos.

Deveres imperiais[editar | editar código-fonte]

A Princesa Mikasa é presidente e presidente de honra de diversas organizações ligadas à preservação da cultura japonesa. Ela e seu marido são também vice-presidentes de honra da Sociedade da Cruz Vermelha do Japão.

A Princesa Mikasa também costuma acompanhar o Príncipe Mikasa em suas viagens ao exterior e, em 1958, viajou com este ao Brasil, por ocasião do 50.° aniversário do imigração japonesa. Eles foram o primeiro casal imperial que visitou o Paraná, na cidade de Londrina. Lá, plantaram um pinheiro japonês e uma seringueira, simbolizando a união entre as duas nações. Também se iniciou a construção do Colégio Agrícola de Apucarana.[1]

Saúde[editar | editar código-fonte]

Depois de apresentar sintomas de anemia, a Princesa Mikasa passou por uma cirurgia para a remoção de um câncer glandular no intestino grosso, em julho de 2007. Foram removidos cerca de 30 cm do órgão.

A última cirurgia, para a implantação de um marca-passo, ocorreu em 1999.[2]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]