Principados do Danúbio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Os principados do Danúbio em meados do século XIX

Os Principados do Danúbio (em romeno: Principatele Dunărene) foi um nome convencional dado aos principados da Moldávia e Valáquia, que surgiram no início do século XIV. O termo foi cunhado na Monarquia Habsburgo após o Tratado de Küçük-Kainarji (1774) para designar uma área do baixo Danúbio com uma situação geopolítica comum. 1 O termo foi amplamente utilizado pelas relações exteriores, em seguida, nos círculos políticos e da opinião pública, até a união dos dois principados (1859).

Juntamente com a Transilvânia, os Principados Unidos da Valáquia e Moldávia se tornaram a base para o Estado-nação romeno2 .

Referências

  1. Heppner Harald, Österreich und die Donaufürstentümer 1774-1812. Ein Beitrag zur habsburgischen Südosteuropapolitik, Habilitationsschrift, Graz, 1984, p.8-9
  2. "Histoire du congrès de Paris. Avec un introduction par M.J.Cohen. Von Édouard Gourdon

Ver Também[editar | editar código-fonte]