Prix de Rome

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Prix de Rome (Prêmio de Roma/Prémio de Roma) foi uma bolsa de estudo destinada a estudantes das artes e atribuída pelo governo francês a jovens artistas que se distinguissem na respectiva categoria. foi criado em 1663 durante o reinado de Luís XIV de França. Era uma bolsa anual destinada a artistas promissores (pintores, escultores e arquitectos) que comprovavam o seu talento e arte através de uma competição com eliminatórias muito exigentes.

Vencedores[editar | editar código-fonte]

Arquitectura[editar | editar código-fonte]

(Entre 1722 e 1786, o Grand Prix de Rome em arquitectura foi atribuído pela Académie d'architecture, sendo o seu primeiro vencedor Jean Michel Chevotet.)

Pintura[editar | editar código-fonte]

Escultura[editar | editar código-fonte]

Gravação[editar | editar código-fonte]

O prémio na categoria Gravura foi criado em 1804 e suprimido em 1968 por André Malraux, então Ministro da Cultura do governo francês.

Composição musical[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [ http://www.artnet.com/library/02/0241/t024141.asp artnet.com: Resource Library: Durameau, Louis-Jacques] Obtido em 25 de outubro de 2009 (em inglês)
  2. The Field of Cultural Production: Essays on Art and Literature, Pierre Bourdieu, p. 215, ISBN 0-231-08287-8, 1993, Columbia University Press
  3. 1911 Encyclopedia
  4. The Legacy of Homer: Four Centuries of Art from the Ecole Nationale Superieure Des Beaux-arts, Paris, 2005, Yale University Press, ISBN 0-300-10918-0
  5. The New International Year Book, Published 1966. Dodd, Mead and Co. P 86
  6. "Jagger, Charles Sargeant", Grove Art Online, 2007. Página visitada em 2007-07-09.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre arte ou história da arte é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.