Propanoplosaurus marylandicus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaPropanoplosaurus
Ocorrência: Cretáceo Inferior
Parte frontal do Edmontonia, da mesma família do Propanoplosaurus.

Parte frontal do Edmontonia, da mesma família do Propanoplosaurus.
Estado de conservação
Extinta (fóssil)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Reptilia
Ordem: Ornithischia
Subordem: Ankylosauria
Família: Nodosauridae
Género: Propanoplosaurus
Stanford, Weishampel, & DeLeon (2011)
Espécie: P. marylandicus
Nome binomial
Propanoplosaurus marylandicus
Stanford, Weishampel, & DeLeon (2011)

Propanoplosaurus é um género de dinossauro nodosauridae[1] herbívoro do Cretáceo Inferior da Formação Patuxent de Maryland e seu tipo de espécime é de um filhote. Foi uma espécie de anquilossauro que teria vivido há cerca de 110 milhões de anos.[2]

A partir de 1994, Ray Stanford descobriu uma ichnofauna em Maryland, perto da fronteira com Washington DC. Junto com pegadas de dinossauros as impressões de um nodosaurídeo recém-nascido foram encontradas.[1]

O espécie-tipo Propanoplosaurus marylandicus foi nomeado e descrito por Stanford, David B. Weishampel e Valerie DeLeon em 2011. O nome específico refere-se a Maryland.[1]

O holótipo, USNM 540686, foi encontrado na Formação Patuxent, datando do final do aptiano. Consiste em impressões da parte de trás da cabeça, junto com um conjunto da caixa torácica, algumas vértebras, o membro direito, o fêmur direito e um pé direito. O animal é mostrado em sua parte traseira. Os autores rejeitaram a possibilidade do espécime representar um pseudofossil ou um embrião. O espécime é o primeiro esqueleto nodosaurídeo da costa leste, anteriormente eram conhecidos apenas os dentes do nodosaurídeo nomeado como Priconodon, é o primeiro dinossauro recém-nascido encontrado naquela região.[1]

O espécime tem um comprimento preservado de treze centímetros. O comprimento total do indivíduo foi estimado entre 24 e 28 centímetros. Apenas o crânio mostra osteodermas e os autores sugerem que era uma fase de desenvolvimento comum de todos os nodosaurídeos.[1]

Referências

  1. a b c d e Ray Stanford, David B. Weishampel and Valerie B. DeLeon (2011) "The First Hatchling Dinosaur Reported from the EasternUnited States: Propanoplosaurus marylandicus (Dinosauria:Ankylosauria) from the Early Cretaceous of Maryland, U.S.A." Journal of Paleontology 85(5): 916-924.http://www.bioone.org/doi/abs/10.1666/10-113.1
  2. Folha: Caçador amador dos EUA encontra dinossauro bebê inédito
Ícone de esboço Este artigo sobre dinossauros é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.